Menu
Busca segunda, 19 de abril de 2021
(67) 99257-3397
REGIÃO

Contribuinte tem até hoje para parcelar débitos no Refis da Pandemia

26 fevereiro 2021 - 06h57Por Da Redação

Os contribuintes sul-mato-grossense que possuem débitos com o Fisco Estadual relacionados ao ICMS e ao ITCD têm até esta sexta-feira, dia 26 de fevereiro, para aderir e efetuar o pagamento da primeira parcela do Refis da Pandemia (Programa de Recuperação de Créditos Fiscais)

Podem ser renegociadas dívidas vencidas até 31 de julho de 2020, constituídos ou não, inscritos ou não em dívida ativa, inclusive os espontaneamente denunciados pelo sujeito passivo. As dívidas que estão em discussão administrativa ou judicial, também podem ser liquidadas nas formas excepcionais previstas na Lei Estadual Nº 5.625, de 17 de dezembro de 2020.

Conforme o secretário de Fazenda, Felipe Mattos, essa edição do Refis foi autorizada pelo Confaz, com o objetivo de ajudar a recuperação da arrecadação afetada pela pandemia. O parcelamento, em geral, é uma modalidade de pagamento concedida com o objetivo de tornar a quitação de dívidas com o Estado um pouco mais atrativa para o contribuinte.

 “O programa foi autorizado para 12 Estados da Federação justamente para atender aquele contribuinte que sempre esteve em dia com o fisco, mas que a inadimplência decorreu da situação de emergência em saúde pública causada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Para tanto, são oferecidas pelo Estado algumas condições facilitadoras, como uma significativa redução de juros e multas. Assim, a adesão ao programa de parcelamento torna-se vantajosa para o contribuinte e ainda garante alguma arrecadação para o estado, mesmo que de forma parcelada”, explica Mattos.

Formas de pagamento

Para auxiliar os contribuintes, o Refis traz formas diferentes de pagamento:

- à vista, em parcela única, com redução de 95% (noventa e cinco por cento) das multas, punitivas ou moratórias, e dos juros de mora correspondentes; 

II - em 2 (duas) ou em até 20 (vinte) parcelas mensais e sucessivas, com redução de 75% (setenta e cinco por cento) das multas, punitivas ou moratórias, e dos juros de mora correspondentes; 

III - em 21 (vinte e uma) ou em até 60 (sessenta) parcelas mensais e sucessivas, com redução de 60% (sessenta por cento) das multas, punitivas ou moratórias, e dos juros de mora correspondentes. 

Para mais detalhes sobre o parcelamento clique aqui. (https://www.sefaz.ms.gov.br/refis2020/ )

ITCD

No caso da renegociação de dívidas relativas ao ITCD, de créditos constituídos ou não, podem ingressar no Programa aquelas que tiverem fatos geradores ocorridos até 31 de outubro de 2020, ou seja, débitos ocorridos e doações realizadas antes desta data. É permitido o parcelamento em até 48 vezes, com redução regressiva das multas e juros: 95% para pagamento a vista, 75% para pagamento em 2 até 20 parcelas e 60% para pagamento em 21 até 48 parcelas.

Para mais informações, os interessados devem acessar o site da Sefaz-MS, procurar a Agência Fazendária (Agenfa) mais próxima ou a Unidade de Cobrança e Controle de Crédito na Rua João Pedro de Souza n. 966 – Centro, Campo Grande no telefone (67) 3389-7803 / 3389-7811.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Três veículos com produtos de descaminho são apreendidos em rota de contrabando
LAGUNA CARAPÃ
Três veículos com produtos de descaminho são apreendidos em rota de contrabando
FERIADÃO
Comarca de Miranda não terá expediente entre hoje e quarta
Após uma semana, vacinação contra gripe atinge 1,8% do público-alvo
BRASIL
Após uma semana, vacinação contra gripe atinge 1,8% do público-alvo
Trabalhadores rurais encontram corpo carbonizado às margens da BR-163
REGIÃO
Trabalhadores rurais encontram corpo carbonizado às margens da BR-163
Veículo furtado em São Paulo é recuperado pela polícia
BR-463
Veículo furtado em São Paulo é recuperado pela polícia
MATO GROSSO DO SUL
Beneficiários do Mais Social terão que participar de curso profissionalizante
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda de olho na cena externa
CRIME AMBIENTAL
Homem é autuado em R$ 12 mil por derrubar árvores em área protegida de matas ciliares
DOURADOS
Escolas indígenas serão ampliadas com recursos do FNDE
DOURADOS
Perícia não encontra sinais de violência e morte de mulher pode ter sido por causas naturais

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
DOURADOS
Interno morre após briga com companheiro de cela da PED
PED
Arma de fabricação caseira é encontra em cela de interno morto