Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
CAPITAL

Casal é preso ao dar bebida alcoólica e importunar adolescente

23 janeiro 2020 - 22h05Por G1

Um casal, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante por importunação sexual e também por fornecer bebida alcoólica a uma adolescente de 13 anos. A vítima estava acompanhada da irmã, de 9 anos, sendo que conheceu a mulher pela internet e pediu autorização da mãe para ir ao bairro vizinho.

Ao chegar até uma casa, no bairro Caiçara, região oeste de Campo Grande, o casal as recebeu. Conforme a mãe das vítimas, que já prestou depoimento na delegacia, a adolescente, 40 minutos após chegar no local, mandou outra mensagem para a mãe.

"Ela disse: vou falar a verdade, mãe. Eu vim na casa de uma 'amiga nova'. Fiquei preocupada e comecei a mandá-la voltar pra casa, além de pedir o endereço e ligar pra polícia. Ela disse então para desligar o celular, mandou fotos da irmã dela em uma piscina e me bloqueou em seguida. Foi aí que eu percebi que não era ela mais. Após um tempo, o casal deixou a minha menina mais nova aqui perto, umas quatro quadras, e foi embora em seguida", contou.

Quando a criança chegou em casa, contou para a mãe que a irmã estava na casa com o casal "bebendo". Ela então avisou a todos os parentes. Neste momento, ainda conforme o relato da mãe, os suspeitos pediram para a adolescente "chamar umas amiguinhas". Logo depois, ela teria mandado mensagem para uma outra garota, a convidando para ir até a casa.

"Estava todo mundo procurando por ela e, quando ela mandou mensagem para esta coleguinha, a tia dela viu porque estava a procurando. Foi quando ela falou pra pedir a localização e chegamos até o endereço. Nós vimos o casal, mas, eles conseguiram fugir e eu encontrei a minha filha mais velha alcoolizada e apenas de calcinha e sutiã", comentou.

A polícia passou a fazer rondas e, durante a madrugada, conseguiu prender o casal. Eles foram encaminhados primeiro para o Centro Especializado de Polícia (Cepol) e depois para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam).

A delegada Fernanda Félix, titular da unidade policial, disse que houve o indiciamento do casal, porém, o caso será investigado pela Delegacia Especializada de Proteção à Criança e o Adolescente (Depca) e a audiência de custódia deve ocorrer nesta sexta-feira (24). Além dos crimes praticados, a mãe ainda relatou que o homem tentou oferecer um celular para a menina de 9 anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IMUNIZAÇÃO
Dourados terá três campanhas de vacinação em outubro
DOURADOS
Prefeitura prorroga vínculo com escritório contratado para auxiliar em licitações já anuladas
COMER BEM
Açaí Mr. Fit: sabor para todos os gostos
MAIS CARO
Preço do pão francês acumula alta de quase 8% no ano em MS
LEGISLATIVO DE MS
Assembleia mantém sessões remotas até 30 de outubro
BOA AÇÃO
Banda douradense faz live para ajudar criança com doença rara e degenerativa
SAÚDE & BEM - ESTAR
Exame oftalmológico é só com o médico oftalmologista!
ANGÉLICA
Polícia incinera mais de 1,7 tonelada de drogas
DOURADOS
Menor é flagrado com drogas e objetos suspeitos de serem produtos de furto
DOURADOS
Veículos apreendidos que estão em pátios de delegacias devem ir a leilão em 30 dias

Mais Lidas

DOURADOS
Carro carregado com calhas capota após colisão e mulher fica ferida
PARANÁ
Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal
PEDRO JUAN
Terror na fronteira: três veículos de luxo são incendiados em pontos distintos
PANDEMIA
Prefeitura e MPE entram em acordo para retorno das aulas presenciais na rede privada