quarta, 24 de julho de 2024
Dourados
21ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
TRANSPARÊNCIA

Cartórios de Dourados registram queda no número de óbitos e nascimentos no semestre

19 julho 2021 - 11h53Por Da Redação

A pandemia da Covid-19 vem causando um profundo impacto nas estatísticas vitais da população douradense. Além das mais de 600 vítimas fatais atingidas pela doença no município, o novo coronavírus vem alterando a demografia de uma forma nunca vista desde o início da série histórica dos dados estatísticos dos Cartórios de Registro Civil de Dourados, em 2003, com números baixos de nascimentos e mortes no primeiro semestre de 2021, resultando na menor diferença já vista entre nascimentos e óbitos nos primeiros seis meses do ano.

Os dados constam no Portal da Transparência do Registro Civil, base de dados abastecida em tempo real pelos atos de nascimentos, casamentos e óbitos praticados pelos Cartórios de Registro Civil do País.

Em números absolutos os Cartórios do município registraram 1.171 óbitos até o final do mês de junho. O número, que é um dos menores da história em um primeiro semestre, é 8,1% menor que a média histórica de óbitos em Dourados, e 52% maior que os ocorridos no ano passado. Já com relação a 2019, ano anterior à chegada da pandemia, o aumento no número de mortes foi de 63,7%.

Com relação aos nascimentos, Dourados registrou um dos menores número de nascidos vivos em um primeiro semestre desde o início da série histórica em 2003.

Até o final do mês de junho foram registrados 2.505 nascimentos, queda de 6,1% em relação à 2019, ano anterior à chegada da pandemia, mas maior que os 2.463 registros de nascidos vivos de 2020, o menor número semestral da história do município.

O resultado da equação entre o maior número de óbitos da série histórica em um primeiro semestre versus e um dos baixos índices de nascimentos da série no mesmo período é o menor crescimento vegetativo da população em um semestre em Dourados, aproximando-se o número de nascimentos do número de óbitos. A diferença entre nascimentos e óbitos que sempre esteve na média de 3.534 mil nascimentos a mais, caiu para 1.334 em 2021, uma redução de 62,3% na variação em relação à média histórica. Em relação a 2020, a queda foi de 76,5%, e em relação a 2019 foi de 70,5%.

Natalidade e Casamentos

Embora não seja a regra, a série histórica do Registro Civil demonstra que a queda no número de casamentos está diretamente ligado ao aumento da taxa de natalidade em Dourados, o que deve fazer com que os nascimentos ainda demorem um pouco a serem retomados, já que no primeiro semestre de 2021 o Estado registrou o quarto menor número de casamentos desde o início da série histórica.

Embora 59,9% menor que a média histórica de casamentos no primeiro semestre no município, o número de matrimônios em 2021 mostra uma pequena recuperação em relação às celebrações do ano passado, fortemente impactadas pela chegada da pandemia que adiou cerimônias civis em virtude dos protocolos de higiene necessários à contenção da doença. Até junho deste ano os Cartórios celebraram 421 casamentos civis, número 26,3% menor que os 571 matrimônios realizados no ano passado, mas ainda 43,1% maior que os 740 casamentos celebrados em 2019.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANTIRRETROVIRAL

Remédio injetável é 100% eficaz na prevenção do HIV, diz estudo

Agência antidrogas faz buscas por traficante brasileiro na fronteira
PARAGUAI

Agência antidrogas faz buscas por traficante brasileiro na fronteira

TECNOLOGIA

Sistema de informação do governo fica indisponível; PF é acionada

CAPITAL

Acusado de invadir casa de defensor público e roubar joias é preso

MERCADO FINANCEIRO

Dólar sobe e fecha aos R$ 5,65, em dia de pressão contra emergentes

NAVIRAÍ

Polícia Civil elucida homicídio qualificado e prende suspeito em Caarapó

MUNDO NOVO

Fiscais Estaduais doam imóvel no valor de R$ 2,5 milhões para UEMS

AQUIDAUANA

Homem que matou idosa, roubou objetos para trocar por drogas

SAÚDE

Hospital de MS lança 'Dia D' de cadastro de doadores de medula

AMAMBAI 

Mulher confessa que matou marido esfaqueado durante discussão

Mais Lidas

DOURADOS

Mais de três anos depois, Exército finaliza obras na pista do Aeroporto

DOURADOS

Expo-Flor começa na próxima semana na Praça Antônio João

DOURADOS

Aeroporto tem parte burocrática adiantada, mas Anac solicita 'pequenas correções' na pista

DOURADOS

Corpo encontrado carbonizado em rodovia é de servidor aposentado; mulher é presa na ação