Menu
Busca quinta, 21 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
TRÁFICO

Caminhoneiro é preso com cerca de 100 quilos de cocaína na BR-262

05 março 2016 - 17h40

Um caminhoneiro, de 56 anos, foi preso às 15h30 deste sábado, dia 05 de março, pela Polícia Rodoviária Federal com cerca de 100 quilos de cocaína escondidos no assoalho de uma carreta. A fiscalização ocorreu no km 600 da rodovia BR-262, próximo à cidade de Miranda, na região do Pantanal sul-mato-grossense. A carreta saiu da cidade de Corumbá e tinha como destino a cidade de Piracicaba, no interior de São Paulo.

Os policiais suspeitaram da tensão do motorista, que apresentou uma nota fiscal da carga de ferro gusa, o qual o veículo estava carregado.

Ao subirem na carroceria, agentes verificaram que existia um assoalho diferente. Os agentes encontraram aproximadamente 100 quilos de cocaína, divididas em tabletes coloridos.

Questionado a respeito da droga, o motorista que é dono da carreta disse não saber que o veículo estava carregado com entorpecente.

A droga, veículo e o caminhoneiro foram presos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Miranda, para as providências que o caso requer.

Com informações do jornal Correio do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
IFMS divulga resultado de seleção para cursos a distância em dez municípios
LEGISLATIVO
Comissão de juristas vai revisar legislação sobre racismo
BRASIL
Vacinas da Índia devem chegar no fim da tarde de amanhã ao Rio
Onça resgatada em incêndio do Pantanal é devolvida à natureza
REABILITADA
Onça resgatada em incêndio do Pantanal é devolvida à natureza
EDUCAÇÃO
Vestibular Uems oferta 40 vagas em Mundo Novo
IMUNIZAÇÃO
Importação de insumo de vacinas é questão burocrática, diz Bolsonaro
UNIVERSIDADE
UFGD forma novos médicos em cerimônia remota nesta sexta
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Proposta obriga cidades turísticas a oferecerem acesso à praia para pessoas com deficiência
MATO GROSSO DO SUL
Governo do Estado e MPMS alinham estratégias de fiscalização no combate a Covid
PANDEMIA
Covid-19: mortes somam 214,1 mil e casos, 8,69 milhões

Mais Lidas

DOURADOS
Promotor vê preconceito em comentários contra vacina para índios e denuncia à PF
DOURADOS
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
VILA ÍNDIO
Enfermeiro de 50 anos é primeiro vacinado contra Covid-19 em Dourados
DOURADOS
Dupla é presa após assaltar entregador em frente conveniência no Jardim Flórida