Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
ACORDO

Após negociação, grupo de sem-terra deixa área invadida no Sul de MS

19 janeiro 2016 - 19h05

Policiais Militares Ambientais de Mundo Novo participaram hoje durante todo o dia das negociações com o movimento sem-terra para a [liberação da BR-163](http://www.douradosnews.com.br/noticias/cidades/apos-uma-hora-de-bloqueio-br-163-e-liberada-em-ms) e saída do Refúgio Biológico de Maracaju, ocupados pela manhã.

Primeiramente houve contato com a liderança sobre a ocupação da BR 163. No próprio local, iniciaram-se as negociações com os líderes para a saída do Refúgio de Maracaju.

O Refúgio Binacional de Maracaju é uma área de proteção ambiental adquirida pela empresa Binacional de Itaipu, que abrange uma área em litígio envolvendo Brasil e Paraguai e passa por um trabalho de reflorestamento, que já promoveu a restauração de 620 hectares, quase metade de sua área de 1.356 hectares.

Os sem terra ameaçavam desmatar toda a área de 700 hectares dentro do Brasil, localizada no município de Mundo Novo. Inclusive, o líder afirmou em entrevista à rádio de Mundo Novo que efetuaria o desmatamento.

As lideranças do movimento Frente Nacional de Luta (FLN), que haviam saído da BR 163, mas ainda ocupavam o Refúgio Biológico de Maracaju, participaram de uma reunião com o comandante da PMA de Mundo Novo e prefeitura e depois de advertido sobre os possíveis problemas e responsabilidades relativos ao desmatamento da área protegida, garantiu não degradar a vegetação e retirar o pessoal da área.

Os sem terras solicitaram e os negociadores garantiram uma agenda com a diretoria de Itaipu, Incra e representantes da Secretaria Estadual Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, o que possibilitou o acordo de saída da área de proteção ambiental. Do local da reunião, a PMA foi ao refúgio com as lideranças para acompanhar a saída. Não houve nenhum desmatamento da área.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTE
Decisão do título da Série B fica em aberto, após tropeço da Chape
IMUNIZAÇÃO
Anvisa envia ao STF informações sobre uso emergencial da Sputnik V
VERBA
No primeiro ano do Nota MS Premiada, repasses a municípios cresceram 10%
ECONOMIA
Falta de insumos atinge metade das indústrias da construção, diz CNI
ECONOMIA
Estados arrecadaram 2,14% a mais em 2020, diz ministério
ZONA RURAL
Durante temporal, 17 cabeças de gado morrem eletrocutadas em cidade de MS
REGIÃO
Secretaria estuda reativação da escola agrícola em assentamento de Rio Brilhante
CULTURA
Cantora de Dourados lança novo clipe em plataformas digitais 
OPINIÃO
Sem segunda dose aos "fura-fila"
PANDEMIA
Mortes por Covid-19 chegam a 217,6 mil no Brasil

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Vídeo mostra momento exato de acidente com vítima fatal em Dourados
DOURADOS
Motorista envolvido em acidente fatal relata bebida ao depor e é liberado 
TRAGÉDIA
Segundo acidente de trânsito com vítima fatal é registrado em Dourados
DOURADOS
Motociclista que morreu após colisão em cruzamento invadiu via preferencial