Menu
Busca sexta, 15 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905
RIO DOURADOS

Chuva não dá trégua e cheia em rio volta a ameaçar o abastecimento de água

12 dezembro 2015 - 12h15

A chuva que não dá trégua tem causado impacto no sistema de abastecimento de água em Dourados e Fátima do Sul, já que a captação é feita através do Rio Dourados que está muito cheio. A situação até o momento está controlada, no entanto, há riscos para as duas cidades.

Em Dourados, mesmo com a chuva que já tingiu quase 50 milímetros desde a madrugada deste sábado (12), o rio está baixando. Isso porque a água das chuvas é levada pela correnteza para outras localidades.

Com isso, o rio em Dourados está baixando. A redução atingiu 28 centímetros, o que deixa a situação controlada.

Segundo o gerente regional da Sanesul, Paulo César Torraca, para hoje não há risco de precisar desligar o sistema de captação, nem que os moradores economizem água. “Com essa chuva o consumo de água reduz muito, então todos podem ficar tranquilos por hoje”, explica.

Para domingo (13), o cenário muda. As equipes da Sanesul estão em alerta já que nessa data chega à cidade a água da chuva que ocorreu quinta-feira (10) em Ponta Porã. Essa pode fazer o rio subir novamente em Dourados e comprometer o sistema de captação.

“Para amanhã nós estamos em alerta e se necessário, vamos adotar as medidas de contenção”, afirmou. Na quinta-feira, o sistema de captação de água foi interrompido por duas horas em Dourados devido à cheia no rio, [relembre aqui]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/barreira-e-feita-na-tentativa-de-conter-agua-em-adutora).

FÁTIMA DO SUL

Já na cidade de Fátima do Sul a preocupação é para este sábado, já que por lá o rio está subindo. Até esta manhã, a situação estava controlada e o abastecimento de água não estava comprometido, Isso porque as barreiras de contenção instaladas na quinta-feira ainda tinham margem para receber mais água. “O rio pode subir mais uns 20 centímetros ainda que dá para continuar abastecendo a cidade”, explicou Torraca.

O maior impacto em Fátima do Sul até o momento é o alagamento em alguns bairros que continua. A água está deixando várias casas inundadas desde sexta-feira (11) e muitos moradores já foram removidos, [relembre aqui](http://www.douradosnews.com.br/dourados/sistema-de-abastecimento-de-agua-normaliza-em-dourados-mas-enchente-segue-para-fatima).

De acordo com o site Siliganews, o prefeito Junior Vasconcelos (PSDB) decretou no final da tarde dessa sexta-feira, estado de emergência na cidade, devido às fortes chuvas que vem atingindo o município nos últimos dias. O documento teria destacado que a inundação afetou 39 famílias, das quais 15 tiveram as casas totalmente alagadas.

Maquinário ficou atolado após as chuvas (Foto: Ligado na Redação)

As chuvas ainda tingem outras cidades próximas. No distrito de Vila Rica, em Vicentina, um maquinário ficou atolado numa estrada de terra, devido às condições que a via ficou após a chuva. A imagem do ocorrido foi enviado ao Dourados News através do canal [Ligado na Redação]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/dourados-news-amplia-espaco-de-interacao-com-internauta).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem é preso furtando 16 barras de chocolate em supermercado
VACINA
Saúde pede ao Butantan entrega 'imediata' de 6 milhões de doses
Caçadores são presos com armas, 138 munições e 300 quilos de carne
BONITO
Caçadores são presos com armas, 138 munições e 300 quilos de carne
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil ultrapassa 208 mil mortes por Covid, com 1.131 nas últimas 24 horas
CHAPADÃO DO SUL
Grávida é espancada pelo marido após ser flagrado com duas mulheres
COVID-19
Municípios de MS já estão cadastrados nos sistemas de vacinação
RIO VERDE
Polícia desenterra quase duas toneladas de drogas em fazenda
PREVIDÊNCIA
Prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina neste sábado
CAPITAL
Homem não atende ao celular, é acusado de traição e apanha da esposa
PANDEMIA
Comitê altera decreto de combate a Covid em Rio Brilhante

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura corta mais de 400 cargos comissionados de uma só vez
CLIMA
Chuva alaga ruas no centro de Dourados após calor acima de 38°C
PEDRO JUAN
Policial é executado com tiros de fuzil na fronteira
BR-163
Homem morre após colidir carro de passeio contra caminhão