Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Certidão tributária estadual agora é emitida via Internet

19 janeiro 2004 - 17h06

O contribuinte de Mato Grosso do Sul poderá obter a certidão negativa de débito tributário em poucos minutos, a qualquer hora do dia ou da noite. O serviço estará disponível, a partir de amanhã, na página da Secretaria de Receita e Controle, a www.sefaz.ms.gov.br e no site da Procuradoria Geral do Estado, www.pge.ms.gov.br . Ele é disciplinado por uma Resolução Conjunta assinada hoje pelo secretário de Receita e Controle, José Ricardo Cabral, e pelo procurador geral do Estado, José Wanderley Bezerra Alves, que será publicada amanhã, 20 de janeiro, no Diário Oficial do Estado. A emissão eletrônica traz uma série de vantagens ao contribuinte. Uma das principais decorre da integração do banco de dados da Serc com o da PGE, o que possibilita que numa só consulta, o contribuinte fique sabendo se há pendência no âmbito administrativo e também na dívida ativa. Antes, ele só teria acesso a essa informação indo aos dois órgãos. Na opinião do procurador geral do Estado, "a integração do banco de dados é o diferencial do serviço, porque simplifica e agiliza a resposta ao contribuinte." Outra vantagem é que ao emitir a certidão negativa de débito via Internet, o contribuinte fica livre da taxa cobrada na Agenfa, que hoje é de duas Uferms ou R$ 19,20. Mas esse benefício só alcança quem estiver em dia com as obrigações, seja pagamento de imposto ou uma entrega de declaração fiscal, por exemplo. O contribuinte com pendências a regularizar só conseguirá a certidão positiva de débito diretamente na Agenfa do município ou PGE. Para obter o documento, bastará acessar um dos endereços virtuais, da Serc ou da PGE, clicar no link "Certidão Tributária" e informar o número da inscrição estadual, do CNPJ ou do CPF. A pessoa que receber a certidão poderá conferir se as informações contidas nela são autênticas consultando também os sites. O documento tem validade de 60 dias e podem ser emitidos tantos quantos o contribuinte precisar. Demanda - A certidão tributária é exigida em diversas circunstâncias, como concorrência pública, alienação imobiliária, inventário, pedido de incentivo fiscal. Isso faz da emissão um serviço bastante procurado pelo contribuinte. Em 2003, foram emitidas quase 50 mil certidões. O novo serviço na Internet estará à disposição de aproximadamente 70 mil contribuintes. "Tudo o que nós pudermos resolver via Internet, vamos resolver porque facilita o cumprimento das obrigações para o contribuinte e reduz a demanda nas Agenfas", afirma o secretário de Receita e Controle, José Ricardo Cabral. Em breve, será disponibilizada pela Internet a certidão circunstanciada com efeito de negativa, em que a exigibilidade do imposto está suspensa devido ao pagamento em dia do débito parcelado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Combate à pandemia mobiliza voluntários em diversas frentes
COVID-19
Barreiras sanitárias abordaram 13,6 mil pessoas em MS
MUNDO
Papa inicia Semana Santa com celebração sem presença de fiéis
COVID-19
Gerente técnico de medicamentos da Vigilância Sanitária alerta sobre riscos da automedicação
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Mais de mil servidores com salários acima de R$ 4,5 mil receberão na segunda
MS
Procuradoria-Geral do Estado mantém seção especial sobre o Covid-19 no site
STJ
Negado pedido de habeas corpus coletivo para todos os presos em grupos de risco do coronavírus
BRASIL
Ministério da Saúde alerta que não pede doação de dinheiro
ESTADO
Detran-MS explica sobre emplacamento em tempo de Coronavírus

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações
ISOLAMENTO
Em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
CORONAVÍRUS
Durante fiscalização, Guarda prende nove pessoas e notifica 60 comércios em Dourados
SUMIÇO
Família procura por jovem que está desaparecida desde a última quarta-feira