Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

CBF não libera dupla santista e Cicinho para jogos da Libertadores

10 junho 2005 - 16h43

Santos e São Paulo não obtiveram junto à CBF a liberação de seus jogadores convocados para integrar a seleção brasileira para a disputa da Copa das Confederações, de 15 a 29 de junho, na Alemanha.    Santos não terá Léo e Robinho na partida decisiva contra o Atlético Paranaense Desta forma, o Santos não terá o lateral-esquerdo Léo e o atacante Robinho na partida de volta contra o Atlético-PR, válida pelas quartas-de-final da competição. Por sua vez, o São Paulo ficará sem Cicinho no compromisso no México diante do Tigres, que também vale vaga na semifinal da Copa Libertadores. A confirmação da permanência dos jogadores no elenco nacional foi anunciada nesta sexta-feira, pela assessoria de imprensa do Santos. Léo e Robinho desfalcam o clube diante do Atlético-PR, quarta-feira, no segundo jogo das quartas-de-final da Copa Libertadores, além das duas partidas da semifinal, caso o Santos supere o rival paranaense.Como forma de pressionar a CBF para viabilizar o retorno dos jogadores alvinegros à Vila, a diretoria utilizou como exemplo o procedimento adotado pela Associação de Futebol Argentino (AFA) e Federação Mexicana de Futebol (FMF). Ambas federações autorizaram a liberação dos atletas pertencentes ao Chivas Guadalajara, do México, e Boca Juniors e River Plate, da Argentina, clubes envolvidos nas quartas da sul-americana. Dessa maneira, a seleção mexicana e argentina não contarão com os jogadores para o torneio intercontinental.O técnico Gallo aguardava um "sim" da entidade nacional, mas não escondeu seu descontentamento com relação à postura da CBF em reter Léo e Robinho. "Não há motivo de levá-los nesse momento decisivo para o Santos. Essa Copa das Confederações não representa nada em termos de ranking para a seleção. Se ainda fosse realizado dois meses antes da Copa do Mundo, até entenderia a razão de convocá-los, mas temos um ano pela frente", dissera o treinador, na quarta-feira. "A Federação Mexicana permitiu que cinco atletas do Chivas fossem desconvocados da seleção. A AFA (Associação de Futebol Argentino) fez o mesmo e liberou os atletas do River e do Boca", acrescentou.A delegação brasileira seguirá para Frankfurt, Alemanha, em dois vôos, saindo de São Paulo às 21h55, do Aeroporto Internacional de Guarulhos, e do Rio de Janeiro, às 22h10, do Aeroporto Internacional Tom Jobim.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Quatro brasileiros estreiam hoje pela fase de grupos da Libertadores
Detran não terá expediente nesta quarta-feira de feriado
TIRADENTES
Detran não terá expediente nesta quarta-feira de feriado
Dourados pode ter mínima abaixo de 10 graus na próxima semana, indica previsão 
CLIMA
Dourados pode ter mínima abaixo de 10 graus na próxima semana, indica previsão 
Saúde ativa 4 UTI's Covid no HV e transfere leitos clínicos para outros hospitais
DOURADOS
Saúde ativa 4 UTI's Covid no HV e transfere leitos clínicos para outros hospitais
Alan Guedes nomeia novo diretor da Coordenadoria Especial de Assuntos Indígenas
DOURADOS
Alan Guedes nomeia novo diretor da Coordenadoria Especial de Assuntos Indígenas
LEGISLATIVO DE MS
Nome da sede do DOF homenageando Coronel Adib segue à sanção
FUTEBOL
Chefe da Fifa sobre Superliga: "Ou vocês estão dentro ou estão fora"
REGIÃO
Casal é preso transportando mais de 700 quilos de drogas em carro com criança
PANDEMIA
Idades das vítimas mais recentes da Covid-19 em MS variam entre 20 e 88 anos
PONTA PORÃ
Polícia apreende veículo carregado com maconha em estacionamento de hotel

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro