Menu
Busca sexta, 26 de fevereiro de 2021
(67) 99257-3397

Carlinhos de Jesus abre Mostra de Dança em Corumbá

08 junho 2004 - 12h41

O maior espetáculo de dança, coreografia, ritmos e natureza da região Centro-Oeste começa amanhã em Corumbá, com a quarta Mostra Santuário Ecológica da Dança, patrocinado pelo Governo de Mato Grosso do Sul. O evento será realizado no maior palco a céu aberto do Brasil, com 120 metros quadrados, e reunirá grandes nomes nacionais da dança e do balet, como o carioca Carlinhos de Jesus.Com a participação recorde de 500 bailarinos de Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo e Goiás, a mostra é organizada pela prefeitura de Corumbá e está inserida no circuito nacional de dança após o sucesso dos anos anteriores. Foram investidos este ano R$ 280 mil, com o apoio financeiro da iniciativa privada através da Urucum Mineração, Empresa Andorinha, Mineração Corumbaense e Instituto Homem Pantaneiro.A abertura do espetáculo será amanhã às 19 horas, com o convidado especial Carlinhos de Jesus que traz sua companhia a Corumbá com 12 bailarinos e a coreografia “Isto é Brasil”, que mostra a origem e as mais variadas possibilidades de dança de salão. O palco foi armado na Praça Generoso Ponce, que foi revitalizada com recursos do Programa Monumenta e deverá reunir milhares de pessoas até o final do evento, domingo.Convidados - Além da Companhia de Dança Carlinhos de Jesus, foram convidados este ano o Ballet Sopro, de São Paulo, apresentando a coreografia “Amar É”, de Roberto Amorim; Companhia de Dança de Diadema (SP), com o espetáculo “Balaio de Dança”, que reúne quatro das melhores obras do repertório da companhia; Repentistas do Corpo, companhia de São Paulo, apresentando o espetáculo “Nessa Onda Que Eu Vou”, concepção e direção de Sérgio Rocha.Também como convidados especiais, a Ginga, companhia de dança de Campo Grande, que apresentará o espetáculo de dança contemporânea “Superfície do Homem”, e nos espaços alternativos, “Procura-se”; DeAnima Ballet Contemporâneo, do Rio de Janeiro, com dois pas-de-deu “Herman Schmerman” e “Alingerland”, ambos coreografados por William Forsythe; Grupo Funk-se, de Campo Grande, com “Preview”, espetáculo de street dance, coreografado por Edson Clair; e ainda Companhia de Dança Isadora Duncan (Campo Grande), com as coreografias “Sutilezas”, “Lê Corsaire” e “A Espera”. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Foragido, pai que estuprou a própria filha em São Paulo é preso em MS
AJUDA
Bolsonaro fala em pagar 4 parcelas de R$ 250 de auxílio emergencial
BATAGUASSU
Usando nome falso há 12 anos, homem foge da policia e até registra filha
FUTEBOL
Fundesporte e Federação assinam repasse de R$ 820,9 mil para o Estadual 2021
Golpistas pedem dados de idosa para simular empréstimo e 'limpam' a conta dela
VACINA
Ministério assina acordo para comprar 20 milhões de doses da Covaxin
CAMPO GRANDE
Idoso fica em porta-malas por mais de meia hora durante roubo de carro
ECONOMIA
Nova linha de crédito imobiliário da Caixa tem juros atrelados à poupança
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiro é multado em R$ 19 mil por desmatamento de bioma protegido
PROTESTO
Servidores públicos realizam ação contra a PEC Emergencial em Dourados

Mais Lidas

POLÍCIA
Identificada vítima fatal de acidente entre carretas
DOURADOS 
Operação desarticula quadrilha especializada em furtos de máquinas agrícolas
PARAGUAI
Quadrilha é presa com 1,4 tonelada de cocaína e até avião na fazenda de Pavão
PERIMETRAL NORTE
Carro é destruído pelo fogo após acidente em Dourados; veja o vídeo