Menu
Busca segunda, 08 de março de 2021
(67) 99257-3397

Campanha de Vacinação Antirrábica Canina e Felina começa amanhã

16 agosto 2009 - 10h44

De 17 de agosto a 17 de novembro a Secretaria de Estado de Saúde (SES) promove a Campanha de Vacinação Anti-rábica Canina e Felina de Mato Grosso do Sul. Contudo, o “Dia D” da campanha será em 26 de setembro.



As ações a serem executadas em cada um dos 78 municípios do Estado são de responsabilidade das Secretarias Municipais de Saúde; caberá à SES a orientação, monitoramento e suporte no que as secretaria tiverem necessidade.



As vacinas para imunização já chegaram ao Estado e estão sendo retiradas pelos municípios. O principal objetivo da campanha é manter em “zero” o número de casos de raiva humana em Mato Grosso do Sul. Além disso, os trabalhos visam:



controlar e eliminar os casos de raiva canina e felina no Estado;
desenvolver ações de controle e prevenção da raiva animal juntamente com o Paraguai e a Bolívia, com o objetivo de aumentar a cobertura vacinal na fronteira;
supervisionar as ações de vacinação in lócus;
capacitar as equipes de saúde.
A estimativa da população canina no Estado é de 456.765 e a felina chega a 95.007 animais. A meta de vacinação estabelecida pelo Ministério da Saúde é vacinar, no mínimo, 80% dos cães e gatos em todos os estados brasileiros. O último registro de caso de raiva humana em Mato Grosso do Sul foi em 1994, contudo, a vacinação dos animais é essencial, pois ainda existe circulação do vírus que provoca a doença.



Desde 2007 foi firmado um termo de cooperação mútua entre Brasil e Bolívia – especificamente devido à fronteira de Mato Grosso do Sul com a Província de German Busch – no qual técnicos da Organização Panamericana de Saúde participam como interlocutores com os técnicos dos Ministérios da Saúde dos dois países, da SES, do Departamento de Santa Cruz e dos municípios de Corumbá e da Província de German Busch nos aspectos para vigilância, prevenção e controle da raiva na fronteira.



No dia 5 de agosto, o Governo do Estado, por meio da SES, publicou no Diário Oficial do Estado os valores da campanha antirrábica deste ano: do total de R$ 166.541,51, o Estado vai investir R$ 136.938,04.



A Raiva



A Encefalite Viral Aguda, mais conhecida como “Raiva” é transmitida por mamíferos, que apresenta dois ciclos principais de transmissão: urbano e silvestre. O vírus rábico pertence ao gênero Lyssavirus, da família Rhabdoviridae.



O vírus penetra no organismo, atinge o sistema nervoso periférico e, posteriormente, o sistema nervoso central. A partir daí, dissemina-se para vários órgãos e glândulas salivares, onde também se replica e é eliminado pela saliva das pessoas ou dos animais enfermos. Qualquer mamífero pode adquirir a doença.



No Brasil a raiva vem reduzindo significativamente nos últimos seis anos, porém alguns municípios ainda apresentam raiva canina em centros urbanos. Para o controle efetivo é necessário realizar bloqueios de foco (em até, no máximo, 72 horas), manter altas coberturas vacinais caninas, retirar animais de rua, realizar o censo canino, educação em saúde, profilaxia adequada em tempo oportuno e garantir realização do esquema de vacinação completo.



A população precisa ficar atenta da necessidade de procurar assistência médica, mesmo em situações aparentemente não graves, tais como arranhaduras e lambeduras feitas por algum animal. Também é recomendado tratamento profilático antirrábico, com aplicação de soro e vacina – os quais estão disponibilizados na rede do Sistema Único de Saúde (SUS) –, gratuitamente, quando qualquer pessoa é agredida por espécie silvestre (ex: morcegos, raposa e sagüis).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Câmara de Dourados homenageia servidoras no Dia da Mulher
HOMENAGEM
Câmara de Dourados homenageia servidoras no Dia da Mulher
Senado vai ouvir governadores e ministros sobre combate à pandemia
BRASIL
Senado vai ouvir governadores e ministros sobre combate à pandemia
Mulheres ocupam 36% do mercado de trabalho formal em MS
EMPREGO
Mulheres ocupam 36% do mercado de trabalho formal em MS
Jovem é preso ao ser flagrado comercializando drogas em poliesportivo
REGIÃO
Jovem é preso ao ser flagrado comercializando drogas em poliesportivo
Ministro da Educação diz esperar acordo para levar lista tríplice ao presidente
UFGD
Ministro da Educação diz esperar acordo para levar lista tríplice ao presidente
LEGISLATIVO
No Dia da Mulher, Neno Razuk ressalta projeto que as favorecem e relembra o exemplo da mãe Delia
CAMPO GRANDE
Homem é encontrado morto em quarto de motel
MS
Júri condena mulher por assassinato de pecuarista em suposto triângulo amoroso
DOURADOS
Ministro entrega Unidade da Mulher e da Criança e não dá prazo para início de atendimentos
PANDEMIA 
Com lotação máxima, pacientes da região usam UTI's ainda não habilitadas pelo SUS

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Homem é assassinado na região de fronteira e autores deixam recado ao lado do corpo
CENTRO
Douradense é assaltado ao sair de casa para pedalar na madrugada
IMUNIZAÇÃO
Vacinação contra a Covid faz idosos 'amanhecerem' na fila em Dourados
DOURADOS 
Bebê de 9 meses espancado pela mãe é transferido para o HU