Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Câmara discute a inspeção veicular

12 agosto 2004 - 19h27

O ministro das Cidades, Olívio Dutra, disse hoje, em Comissão Geral da Câmara para debater a inspeção veicular, que as bases para a implantação da medida foram a necessidade de prevenir o alto custo social que representam os veículos mal conservados para a segurança das pessoas e o meio ambiente. Ele destacou que a inspeção irá ajudar no combate ao roubo de veículos e a evitar a grande evasão fiscal decorrente do não pagamento de multas e tributos. A inspeção também vai promover a melhoria do trânsito nas cidades e rodovias e aperfeiçoar os serviços de manutenção. “Queremos que a inspeção veicular seja um serviço uniforme e de boa qualidade, e sendo realizado simultaneamente em todo o país porque isso diminui custo, qualifica o serviço, dá mais segurança ao cidadão. Isso não é um novo imposto, é uma prestação de um novo serviço que a cidadania brasileira reclama, precisa e que é necessário para acabar com a tragédia do trânsito brasileiro”, explicou o ministro. Segundo Olívio Dutra, no Brasil morrem 30 mil pessoas por ano vitimas do trânsito e que outras 350 mil ficam feridas em acidentes. Ele disse que, anualmente, são roubados no país cerca de 188 mil veículos e que a inspeção irá ajudar a reduzir o número de acidentes e também o roubo de veículos. Para Dutra, a proposta “é afeta ao Ministério das Cidades porque a ele incumbe tratar das questões urbanas de forma articulada”. De acordo com o ministro, a inspeção será responsável, de acordo com cálculos do Ministério, por 140 mil novos empregos diretos e indiretos. O diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Ailton Brasiliense, defendeu o projeto de inspeção veicular, argumentando que promoverá uma redução no número de acidentes e a gravidade deles.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia apreende comboio com nove veículos carregados de mercadorias ilegais
REGIÃO
Polícia apreende comboio com nove veículos carregados de mercadorias ilegais
Tira dúvidas do IR 2021: prazo de pagamento, soma de rendimentos, pecúlio
NEGÓCIOS & CIA
Tira dúvidas do IR 2021: prazo de pagamento, soma de rendimentos, pecúlio
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 27 milhões nesta quarta-feira
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 27 milhões nesta quarta-feira
Ministério aprova zoneamento agrícola de risco climático para soja em MS
SAFRA 2021/2022
Ministério aprova zoneamento agrícola de risco climático para soja em MS
Homem morre após ser encontrado ferido em frente de residência
DOURADOS
Homem morre após ser encontrado ferido em frente de residência
DOURADOS
Descontrolado, pastor xinga policiais por ser orientado a diminuir som de igreja
MS
Com 5 mil casos de Covid-19, sistema prisional mantém visitas suspensas
DOURADOS
Adolescente é apreendido com mala recheada de drogas na rodoviária
PANDEMIA
Anvisa determina vacinação apenas em grávidas e puérperas com comorbidades
ASSEMBLEIA DE MS
Na sessão desta quarta-feira, deputados devem apreciar seis projetos

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados