Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
CULTURA

Venda de livros no Brasil cresceu menos de 1% em 2014, mostra CBL

03 junho 2015 - 12h45

Agência Brasil

A venda de livros no Brasil cresceu menos de 1% em 2014, informou hoje (3) o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e a Câmara Brasileira do Livro (CBL), no Rio de Janeiro.

Pesquisa encomendada pelas entidades mostra que a tiragem média de livros cresceu 9,3%, revelando que a aposta das editoras, no ano passado, era arriscar o mínimo possível com novos títulos.

Por outro lado, os livros digitais, que correspondem a uma fatia pequena do mercado editorial, se mantém em alta. O faturamento passou de R$ 13 milhões em 2013 para R$ 17 milhões em 2014, considerando apenas os e-books produzidos no país. Ao todo, o setor faturou R$ 5,4 bilhões no ano passado.

A pesquisa foi elaborada pela Fundação Instituto de Pesquisa Econômicas (Fipe), da Universidade de São Paulo, com base em uma mostra com 733 editoras cadastradas pelas entidades.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Detran fecha unidade em Dourados após confirmações de Covid-19
CAMPO GRANDE
Homem é encontrado morto dentro de conveniência
TACURU
Motorista morre após capotar e ser arremessado para fora do veículo
SAÚDE & BEM-ESTAR
Como anda os seus cuidados com a sua Saúde Bucal?
CLIMA
Inverno se despede com chuva e queda de temperatura em Dourados
OPORTUNIDADE
Semana começa com quase 150 vagas de trabalho em Dourados
DOURADOS
Após bebedeira, homem é assassinado por “dar em cima” de esposa do acusado
SIDROLÂNDIA
Briga generalizada após bebedeira acaba com homem morto a facadas
CONGRESSO
Após 6 meses de sessões remotas, Senado retoma votações presenciais
DOURADOS
Motorista bêbado atropela cinco pessoas que voltavam da igreja no Novo Horizonte

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Homem de 56 anos cai de trator e morre atropelado em fazenda
ESTADO
Confraternização em fazenda termina com tragédia após briga familiar
TRAGÉDIA
Bombeiro em Dourados morre durante acidente em Santa Catarina
DOURADOS
Amigos e familiares de entregador morto em acidente pedem que justiça seja feita