Menu
Busca quarta, 28 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
RECURSOS

TRF4 reduz pena de Gim Argello e de outros condenados na Lava Jato

07 novembro 2017 - 10h26Por Agência Brasil

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), com sede em Porto Alegre, reduziu nesta terça-feira, dia 07 de novembro, a pena do ex-senador Gim Argello (DF) na operação Lava Jato, de 19 anos para 11 anos e 8 meses de reclusão.

Argello foi condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, em outubro do ano passado, pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e obstrução das investigações.

Ao julgar o recurso do ex-senador, nesta terça-feira, os desembargadores do TRF4 entenderam que o crime de obstrução das investigações não estaria caracterizado por conta própria, sendo parte dos delitos de corrupção, motivo pelo qual retiraram a pena referente àquele crime.

Argello foi considerado culpado por pedir cerca de R$ 30 milhões às empreiteiras OAS e UTC Engenharia, dos quais ao menos R$ 5 milhões foram pagos, em troca de não convocar diretores das empresas para depor na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras, em 2014. O valor recebido, segundo a sentença de Moro, foi utilizado na campanha eleitoral do mesmo ano.

No mesmo julgamento de recursos, o TRF4 reduziu as penas do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS, de 8 anos e 2 meses para 5 anos e 6 meses. O empreiteiro Ricardo Pessoa teve a pena reduzida de 10 anos e 6 meses para 7 anos, enquanto a pena do diretor Walmir Pinheiro passou de 9 anos e 8 meses para 6 anos e 2 meses. Esses dois eram executivos da UTC Engenharia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Companheiro inseparável, “Fumaça” viaja com hippie há quase um ano
FERIADO
UFGD decreta ponto facultativo em todas as unidades nesta quarta-feira
TV DOURADOS NEWS
Radialista há 10 anos, Thiago Wesley conta os desafios na profissão
CAPITAL
Ladrão apanha e é preso ao tentar roubar bicicleta e arrastar jovem
UNIGRAN
Atleta paralímpica representa o Centro-Oeste nos Jogos Universitários
RACHADINHAS
Defesa de Flávio Bolsonaro pede para PGR investigar servidores da Receita
RURAL
Vacinação contra aftosa começa domingo em duas regiões de MS
FRONTEIRA
Mulher é resgatada de hospital após ser condenada a 7 anos de prisão
TEMPO
Quarta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
CORUMBÁ
Enteado ameaça idoso e diz “vou sair da cadeia rapidinho e te matar”

Mais Lidas

DOURADOS
Enquanto filma chuva, interno mostra ‘plantação’ de maconha em cela da PED
GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
BR-463
Homem para carro em bloqueio, desce atirando e morre em confronto com a polícia
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade