Menu
Busca segunda, 01 de março de 2021
(67) 99257-3397
BRASIL

Secretários de saúde defendem que vacina vá para grupos vulneráveis

27 janeiro 2021 - 21h50Por Da Redação

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgou nota hoje (27) em que questiona a posição do governo federal de apoio à compra de lotes de vacinas por empresas para imunização de seus empregados.

A entidade disse ter recebido a manifestação do governo “com surpresa” e que a urgência deste momento na pandemia é a vacinação de todos, razão pela qual a imunização deve “seguir critérios técnicos e não o poder de compra”.

“O Conass defende que esforços sejam dispensados para garantir, o mais rapidamente possível, vacinas para todos. Se a farmacêutica tem 33 milhões de doses disponíveis, por que o governo federal não se dispõe a comprá-las em sua totalidade e, com isso, providenciar a proteção dos que mais precisam?”, questiona a nota.

Os secretários estaduais lembram que o Sistema Único de Saúde é calcado em princípios e um deles é o da universalidade. “Todas as pessoas residentes no país – trabalhadores ou não – têm direito ao acesso ao atendimento público de saúde – o que inclui vacinas. Permitir a vacinação de trabalhadores ligados a um grupo de empresas específicas é romper com este princípio”, pontua a entidade.


Governo federal

Hoje, uma nota de ministérios do Executivo federal abordou o assunto. Segundo o comunicado, o governo “está empenhado em adquirir todos os tipo de vacinas disponíveis e aprovadas pela Anvisa”.

Após ser procurado por empresários, o governo elaborou uma carta em que declarava não ter objeção à compra, desde que houvesse doação de metade para ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde e que a imunização fosse restrita aos funcionários.

Ontem (26), a AstraZeneca afirmou que não possui doses disponíveis para o mercado privado. A companhia declarou que sua capacidade de produção está sendo negociada com governos.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Governo reabre programa de renegociação de dívidas com a União
BRASIL
Governo reabre programa de renegociação de dívidas com a União
ATENTADO CONTRA A VIDA
Polícia impede mulher de cometer suicídio em Guia Lopes da Laguna
10 Motivos para treinar na Studio Moove Academia
SAÚDE & BEM-ESTAR
10 Motivos para treinar na Studio Moove Academia
Após dois meses com interino, servidor federal é nomeado na Secretaria de Administração
DOURADOS
Após dois meses com interino, servidor federal é nomeado na Secretaria de Administração
Secretários pedem toque de recolher nacional e fechamento de praias, bares e escolas
BRASIL
Secretários pedem toque de recolher nacional e fechamento de praias, bares e escolas
DOURADOS
Campanha quer alcançar R$ 1 milhão em imposto de renda para instituições
ECONOMIA
Auxílio emergencial e regras fiscais devem ter debates separados, defende IFI
MEDIDA
Polícia Civil publica portaria que regulamenta uso de perfis em redes sociais
PMA
Jiboia com mais de dois metros é capturada em bairro de Três Lagoas
CAMPO GRANDE
Quatro são presos e arsenal de armas é apreendido

Mais Lidas

ACIDENTE
Veículo pega fogo ao colidir em coqueiro entre Dourados e Itaporã
DOURADOS
Jovem colide moto e embriagado tenta fugir do hospital, mas é detido
PANDEMIA
Mais uma pessoa morre por covid em Dourados e casos confirmados se aproximam de 21 mil
DOURADOS
Homem é suspeito de incendiar carro de vizinho após ser mordido por cachorro