Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
SAÚDE

Número de casos investigados de coronavírus no Brasil cai para quatro

14 fevereiro 2020 - 19h20Por Agência Brasil

O número de casos investigados do novo coronavírus no Brasil caiu para quatro. Os dados foram atualizados pelo Ministério da Saúde na tarde desta sexta-feira, dia 14 de fevereiro. De ontem para hoje, três casos foram descartados e um foi incluído, todos em São Paulo. Das quatro pessoas ainda sob suspeita de ter o vírus, cujo epicentro ocorreu na cidade chinesa de Wuhan, há uma criança de 2 anos, um adulto de 56 anos e duas pessoas na faixa dos 20 anos. Duas pessoas são do sexo masculino e duas são mulheres. Todos têm histórico de viagem à China, mas não a Wuhan.

Até o momento, 43 casos já foram descartados para o novo coronavírus. Dentre essas pessoas, foram confirmadas contaminações por influenza B, influenza A (H1N1), rhinovírus e adenovírus, entre outros.

De acordo com o secretário-executivo do ministério, João Gabbardo, o número de casos suspeitos tem caído de forma mais acelerada graças à velocidade no diagnóstico laboratorial. Os resultados estão saindo mais rapidamente e, com isso, excluindo os casos suspeitos.

"Enquanto não tivermos uma situação de circulação do vírus, esse será o padrão esperado, um pequeno número de suspeitos.”

Gabbardo frisou também que o ministério continuará mobilizado no monitoramento ao vírus pelo menos até o inverno, quando aumenta a possibilidade de doenças respiratórias.

Ainda não existe caso confirmado do novo coronavírus na América do Sul. Até o momento, 64.460 casos foram contabilizados no mundo, conforme dados da universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos. Somente na China são 63.866 casos. O número de mortes chegou a 1.384. Além disso, 7.171 pessoas foram curadas.

A província de Hubei, onde está localizada Wuhan, adotou recentemente uma outra metodologia para confirmar casos. Naquela região está sendo dispensada uma investigação detalhada para confirmação do novo coronavírus. Apenas os sintomas e o aparecimento de determinadas características no raio-x já são suficientes para caracterizar a contaminação. Essa metodologia é recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em locais com mais de 100 casos confirmados após exame detalhado.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

STJ
Confirmada indenização de R$ 450 mil para vigilante que ficou paraplégico após tiro acidental da polícia
DOURADOS
Se Justiça Eleitoral deferir, douradense terá a eleição com mais opções para prefeitura
ELEIÇÕES 2020
Câmara de Dourados deve ter concorrência superior a 14 candidatos por vaga
ISOLAMENTO
Engenheiro brasileiro enfrenta desafio em missão aeroespacial simulada
MATO GROSSO DO SUL
Equipamento que será usado para prevenir desabastecimento de água já está em Corumbá
PANDEMIA
Média de mortes por covid-19 no Brasil cai 10,35% em uma semana
FUTEBOL
Árbitros de MS são escalados para jogos do Brasileiro das séries C e D
BR-463
Trio é preso com caminhonete furtada a caminho do Paraguai
ELEIÇÕES 2020
Mauro Thronicke registra candidatura e os 7 apontados em convenções vão à disputa pela prefeitura
PANDEMIA
MS se aproxima de 68 mil casos e soma mais 15 mortes por Covid-19

Mais Lidas

POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju
PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
PONTA PORÃ
Polícia apreende comboio com contrabando avaliado em R$ 1 milhão