Menu
Busca sábado, 31 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Novo diretor do BC vê com otimismo futuro da economia brasileira

19 outubro 2004 - 16h16

O economista Rodrigo Telles da Rocha Azevedo, indicado para o cargo de diretor de Política Monetária do Banco Central, disse hoje que os indicadores positivos da economia brasileira são resultado da adoção, pela equipe econômica, de austeridade fiscal, metas de inflação e regime de câmbio flutuante. “Tenho uma visão otimista sobre o futuro da economia brasileira, que já vem se expressando nos indicadores recentes. Acho que isso reflete a decisão importante na administração do governo Lula de basear sua política econômica no tripé austeridade fiscal de longo prazo, metas de inflação e regime de câmbio flutuante", afirmou Telles. Para ele, o principal papel da autoridade monetária é assegurar a estabilidade de preços e preservar o valor da moeda, para estimular o crescimento de longo prazo. Telles foi aprovado hoje por unanimidade pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, depois de sabatinado. A indicação será agora apreciada pelo plenário da Casa, em votação que deve ocorrer hoje. Telles se mostrou favorável à autonomia do Banco Central, apesar de considerar que o país não está ainda amadurecido sobre a questão. "A experiência indica que países onde há bancos centrais com independência formal a taxa de inflação no longo prazo é mais baixa. Portanto, acho que esse possa ser um fenômeno importante para o Brasil. Não estamos ainda necessariamente amadurecidos, por isso, acho importante uma discussão mais aprofundada sobre o tema", afirmou. Rodrigo Telles, 40 anos, é gaúcho, economista e foi diretor do Banco de Investimentos Crédit Suisse First Boston. É pós-graduado na universidade norte-americana de Ilinois, onde defendeu tese sobre a volatilidade no mercado de ações no Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

PM prende homem com carro adulterado e espingarda calibre 12
MS
PM prende homem com carro adulterado e espingarda calibre 12
BRASIL
PF prende falsificador de cédulas foragido há 5 anos
Prefeitura informa novo recorde de vacinação com 7,6 mil doses em 24 horas
COVID-19
Prefeitura informa novo recorde de vacinação com 7,6 mil doses em 24 horas
PANDEMIA
Covid-19: Espanha libera entrada de voos do Brasil
STF
Ministro Alexandre de Moraes mantém prisão de denunciado por golpes milionários na internet
COVID-19
Anvisa recebe pedido para testes de vacina desenvolvida pela UFMG
JUSTIÇA DO TRABALHO
Carreteiro não será indenizado por dano existencial por jornada exaustiva
FALTOU CHUVA
Julho de 2021 chega ao fim entre os mais secos da história de Dourados
Museu da Língua Portuguesa é reaberto com presença de autoridades
STF
Ministro determina retomada de inquérito que apura suposta interferência de Bolsonaro na PF

Mais Lidas

ACIDENTE DOMÉSTICO
Após discussão com entregador jovem acaba ferido
PARAGUAI
Militares executados na fronteira eram sargentos da FTC
PONTA PORÃ
Bilhete ao lado de corpo esquartejado indica próximos "alvos" de criminosos
CLIMA
Dourados bate recorde de frio no ano com geada forte