Menu
Busca quinta, 21 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

"Novatos" são destaques na Série B do Brasileiro

27 setembro 2003 - 11h59

Na Série B, é preciso conhecer bem o caminho das pedras. Esta máxima, repetida a exaustão por treinadores e jogadores, mostrou-se falsa na primeira fase da segunda divisão do Brasileiro-2003. Quatro times que nunca haviam disputado o certame estão entre os principais destaques da competição até aqui. Os grandes Palmeiras e Botafogo fazem até agora as duas melhores campanhas. A terceira é do Brasiliense, fundado em 2000 e que estava na Série C no ano passado. Outro time promovido da terceirona em 2002, o Marília, também está muito perto de garantir lugar na próxima fase. Enquanto isso, clubes que estão há anos na Série B, como Londrina e Ceará, já estão eliminados. Palmeirenses e botafoguenses driblaram a dificuldade de jogar em campos apertados, do estilo de muita correria do torneio e ainda jogaram para estádios cheios. Já os atletas de Brasiliense e Marília pularam a barreira da inexperiência para triunfar. A receita de sucesso na Série B para esses quatro clubes passa por estrutura e um cofre cheio. No meio da penúria dos concorrentes, os quase centenários Botafogo e Palmeiras e os novos-ricos Brasiliense e Marília podem ter luxos raros no campeonato. Sócios do Clube dos 13, os dois grandes, mesmo longe da primeira divisão, têm participação no dinheiro arrecadado com a venda dos direitos de transmissão das partidas da elite. O Palmeiras vai receber R$ 6 milhões, e o Botafogo, R$ 4,5 milhões. Com esse dinheiro, o time do Parque Antarctica pode manter no seu elenco o goleiro pentacampeão Marcos, enquanto o clube carioca tem no banco Levir Culpi, ainda um dos treinadores mais caros do futebol brasileiro. Antes do início da próxima fase, o Botafogo vai se preparar em Angra dos Reis, badalada cidade do litoral fluminense. Nos casos de Brasiliense e Marília, o dinheiro tem outras fontes. O time da capital é propriedade do ex-senador Luiz Estevão, que investe pesado no clube. O Brasiliense tem jogadores que já atuaram por grandes clubes do país, como o ex-palmeirense Paulo Isidoro e o ex-flamenguista Iranildo. Estevão, que teve seu mandato de senador cassado, proporciona outros luxos para seus jogadores. Nesta semana, por exemplo, comissão técnica e atletas do Brasiliense assistiram a uma palestra de Bernardinho, o festejado treinador da seleção brasileira masculina de vôlei. Se no caso do Brasiliense o mecenas é uma "pessoa física", no do Marília é uma "pessoa jurídica". O time do interior de São Paulo tem seu departamento de futebol administrado pela empresa American Sport desde 2001. Com patrocínios que bancam 75% das suas despesas, o clube tem um elenco que custa o dobro do que é gasto por outros times paulistas do interior na Série B. "Rico", o Marília foi capaz de tirar o técnico Luís Carlos Ferreira, que fazia bom trabalho na primeira divisão com o Figueirense, para treinar o time na rodada deste sábado e, em caso de classificação, nos quadrangulares decisivos. Recordes Os quatro novatos que brilharam na primeira fase da Série B ostentam vários recordes. O Palmeiras é dono do melhor ataque e da melhor média de público. Brasiliense e Marília estão no topo das defesas. Só Botafogo e Palmeiras apresentam saldos de gols que batem nas duas dezenas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Treinadora faz balanço do período de preparação da Seleção Brasileira Feminina
ESPORTE
Treinadora faz balanço do período de preparação da Seleção Brasileira Feminina
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto estabelece diretrizes para o plano nacional de vacinação contra a Covid-19
BRASÍLIA
Câmara instala nessa quinta comissão que vai revisar leis de combate ao racismo
RELAÇÕES INTERNACIONAIS
Bolsonaro cumprimenta Biden e divulga carta enviada ao novo presidente
ECONOMIA
Entidades consideram acertada manutenção da Selic em 2% ao ano
EDUCAÇÃO
AGU mantém na Justiça segundo dia de provas do Enem
CRIME AMBIENTAL
Homem leva multa de R$ 10 mil por construção de rancho em área protegida
GOVERNO DO ESTADO
Mesmo com vacina, população deve seguir em alerta sobre a Covid-19
EDUCAÇÃO
Ministro dá posse a novos reitores de três universidades federais
NA CAPITAL
Prefeitura de Campo Grande corrige e toque de recolher volta às 22h

Mais Lidas

DOURADOS
Promotor vê preconceito em comentários contra vacina para índios e denuncia à PF
DOURADOS
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
DOURADOS
Em ação conjunta, polícia deflagra operação para investigar crimes
TRAGÉDIA
Casal morre após caminhonete colidir contra carreta na BR- 163