quarta, 17 de julho de 2024
Dourados
10ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
POLÊMICA

Nova lista suja do trabalho escravo tem 132 empresas

23 outubro 2017 - 06h56Por G 1

A semana foi marcada por mais uma polêmica no governo federal. Uma portaria alterou as regras do que é considerado trabalho escravo no país, decisão que provocou uma série de críticas. O Brasil é considerado referência mundial no combate à escravidão moderna. Mas, depois das novas diretrizes, isso pode mudar.

A mudança foi condenada pela Organização das Nações Unidas. A Organização Internacional do Trabalho disse que a medida pode interromper a trajetória de sucesso que tornou o Brasil modelo no combate ao trabalho escravo no mundo.

O Ministério Público Federal quer a revogação da portaria. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, entregou ao ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, ofício onde fala em "retrocesso nas garantias básicas da dignidade humana".

As novas regras também restringiram o acesso à chamada lista suja, o cadastro de empregadores autuados por escravizar trabalhadores. Agora, a lista suja só será divulgada por determinação expressa do ministro do Trabalho.

Os patrões só entram na lista depois que esgotam todos os recursos de defesa, na esfera administrativa. Permanecem nela por dois anos. A mais recente atualização da lista já estava pronta, antes de sair a portaria, mas acabou não sendo divulgada.

A nova lista suja, que traz os nomes de 132 empresas; veja.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Comarca de Dourados é contemplada com a reforma do Fórum
JUSTIÇA

Comarca de Dourados é contemplada com a reforma do Fórum

Trem de pouso sofre pane e avião quase invade lavoura
CHAPADÃO DO SUL

Trem de pouso sofre pane e avião quase invade lavoura

LÍNGUAS

UFGD abre matrículas para cursos de inglês, espanhol e francês

FRONTEIRA

Advogados são denunciados por lavagem de dinheiro do tráfico

MERCADO FINANCEIRO

Dólar fecha a R$ 5,48, após falas de Lula e Livro Bege do Fed

FIANÇA

Músico acusado de disparar 12 vezes contra moto de pedreiro é liberado

REGIÃO 

Economista Cristiane Schmidt é nomeada para presidência da MSGÁS

PARANAÍBA

Irmãos gêmeos são presos após renderem frentista para roubar posto de combustíveis

FLAGRANTE

Cocaína é apreendida em MS dentro de cilindros de oxigênio; veja vídeo

BRASIL

Anvisa confirma novo caso de malária em navio fundeado em Santos

Mais Lidas

CAPITAL

Grupo de funcionários responsável por furtar empresa de transporte é desarticulado

DOURADOS

UFGD oferece 293 vagas para transferência de outras universidades e portadores de diploma

DESAPARECIMENTO

Douradense desaparece após viajar a trabalho para Maracaju

CAPITAL

"MS ao vivo" traz o cantor Diogo Nogueira para apresentar novo show neste domingo