sexta, 14 de junho de 2024
Dourados
32ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Ministros de 30 países discutem em Brasília temas ligados à educação

09 novembro 2004 - 15h47

Ministros de cerca de 30 países começam a discutir hoje temas ligados à educação, que fazem parte do relatório lançado pela Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) durante a IV Reunião do Grupo de Alto Nível do Programa Educação para Todos. Segundo o ministro da Educação, Tarso Genro, os países representados no encontro, que começa hoje em Brasília, são os que têm maior responsabilidade política mundial em relação às Metas do Milênio na questão educacional. O Relatório Mundial de Monitoramento sobre Educação para Todos foi lançado ontem (8). "O Brasil assumiu uma responsabilidade política muito grande a partir do momento em que o presidente Lula colocou a educação como centro do seu programa estratégico de trabalho", disse o ministro, em entrevista à Rádio Nacional. De acordo com Tarso Genro, as maiores preocupações da Unesco são os investimentos em educação de base e na sua expansão, fiscalização e qualidade. Em sua opinião, mo Brasil, ainda há muitos desafios: "Todos os fatores apontados no relatório são desafios. A questão da educação de base, por exemplo, é de responsabilidade dos municípios e estados. O governo é apenas programador, estrategista e financiador, até certo ponto", afirmou. Na entrevista, o ministro também anunciou que o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e a própria União vão colocar mais recursos para ajudar a romper os desequilíbrios entre os estados. "Nós teremos, em 2005, um orçamento melhor do que o deste ano", disse Tarso Genro.   

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA

IBC-Br: atividade econômica cresce 0,01% em abril

Cheiro denuncia e motorista é preso com mais de 160kg de maconha em veículo
TRÁFICO

Cheiro denuncia e motorista é preso com mais de 160kg de maconha em veículo

LEGISLATIVO DE MS

Proposta versa sobre inserção dos jovens no mercado de trabalho em MS

Não é só gotinha: entenda como funciona a vacinação contra a pólio
IMUNIZAÇÃO

Não é só gotinha: entenda como funciona a vacinação contra a pólio

Jeep roubado no Rio de Janeiro é recuperado em MS
POLÍCIA

Jeep roubado no Rio de Janeiro é recuperado em MS

DOURADOS

Fortalecimento do SUAS foi tema de audiência pública realizada na Câmara

BRASIL

Produção industrial recua em cinco dos 15 locais pesquisados em abril

TRÁFICO

Polícia apreende em Itaquiraí droga que seria entregue em Santa Catarina

ANASTÁCIO

MPMS oferece denúncia contra policiais militares suspeitos pela morte de ex-vereador

BRASIL

Pacheco diz que projeto do aborto "jamais iria direto ao plenário"

Mais Lidas

DECISÃO

Mesmo sem duplicação de pontos críticos, pedágios da BR-163 aumentam a partir desta sexta-feira

VENDA DE ALIMENTOS

Ministério Público pede fechamento de cantinas em presídios de MS

LUTO

Policial civil sofre infarto no trabalho e morre em hospital de Dourados

DOURADOS

Com investimento de quase R$ 4,5 milhões, asfalto no Altos do Indaiá tem ordem de serviço autorizada