Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
DOURADOS

Ministro destaca investimento de mais de R$ 30 mi em MS e fala sobre Marco Temporal

16 setembro 2021 - 18h10Por Thalyta Andrade

Em visita a Dourados nesta quinta-feira (16), o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, destacou investimentos de R$ 30,5 milhões para Mato Grosso do Sul. A agenda que se iniciou pela manhã em Ponta Porã, seguiu em reuniões com produtores rurais e fazendeiros e também uma participação técnica ao Parque de Exposições João Humberto de Carvalho.

Durante coletiva de imprensa, Neto ressaltou a importância dos investimentos do governo federal para a retomada do Turismo no Estado.

“Aqui em Mato Grosso do Sul temos na área do turismo várias obras estruturantes, como por exemplo, aqui em Dourados, que entregamos essa praça [do Transbordo, revitalizada com verba do ministério] que era algo que estava parado e também o pórtico da cidade e temos várias outras obras em andamento em todo o Estado”, destacou sem citar mais detalhes.

Ainda na agenda desta quinta-feira, o ministro que veio à cidade para participar da Expoagro Digital (Exposição Agropecuária de Dourados que este ano acontece na modalidade híbrida, com atividades presenciais e online), realiza palestra com o tema ‘A retomada do Turismo no Brasil: MS no cenário nacional’ na Unigran, com transmissão ao vivo pelo canal do Sindicato Rural no YouTube.

Sobre este tema, o Neto destacou que com o avanço da vacinação a realização das feiras agropecuárias tornou-se uma prioridade, já que essas são importante fator de fomento do turismo de negócios que também impulsiona outros setores.

“Aqui no Estado a primeira coisa com relação a retomada do turismo são as feiras, trabalho que estamos fazendo em conjunto com a ministra Tereza Cristina da Costa Correia Dias [do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento]. E sem saúde, não há turismo. Seguiremos nos investimentos em fiscalização e protocolos sanitários nos hoteis, bares e restaurantes, além da vacinação contra a Covid-19”.

Além da retomada do turismo, a questão envolvendo uma possibilidade de insegurança jurídica por conta do julgamento do novo Marco Temporal para demarcações de terras indígenas em todo o país – que neste momento está paralisado no STF (Supremo Tribunal Federal) – também foi destacada e criticada pelo ministro durante a visita.

“Milhões de pessoas moram em áreas que voltarão a ser demarcadas caso isso aí passe e será decretado o fim do agronegócio no Brasil”, declarou.

A agenda de Neto segue nesta sexta-feira (17) na cidade de Bonito, junto de sua comitiva e de autoridades políticas locais.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS recebe equipes de reforço de outros estados para reparo de energia elétrica
TEMPORAL
MS recebe equipes de reforço de outros estados para reparo de energia elétrica
POLÍCIA
Polícia prende autor de furto e receptador em Jardim
Mototaxista é preso por tráfico de drogas em Costa Rica
POLÍCIA
Mototaxista é preso por tráfico de drogas em Costa Rica
Filhotes de bem-te-vi são regatados após temporal
MEIO AMBIENTE
Filhotes de bem-te-vi são regatados após temporal
Comissão debate políticas públicas de apoio a vítimas de Covid-19
PANDEMIA
Comissão debate políticas públicas de apoio a vítimas de Covid-19
UNIÃO
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
DOURADOS
Com a cidade tomada por árvores caídas, Exército participa de mutirão de limpeza
TRAGÉDIA
Bombeiros encontram mais três corpos e número de mortos em naufrágio chega a seis
DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO 
Voluntários participam de nova edição do "Marmitaço" contra fome em Dourados
PEDRO JUAN
Radialista vai à polícia após receber ameaças na fronteira

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia indicia três e recupera R$ 32 milhões de golpe milionário em empresa
DOURADOS
Asfalto de avenida cede na região Norte e trânsito é interrompido
CLIMA
ASSUSTADOR: Vídeo mostra chegada da tempestade de poeira em Dourados
CLIMA
Ventos de 40 km/h causam estragos em Dourados