Menu
Busca terça, 22 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
STJ

Lula tem parecer favorável em recurso sobre suspeição de Sergio Moro

21 setembro 2017 - 10h40

O MPF (Ministério Público Federal) emitiu um parecer favorável à defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que um recurso em tramitação no STJ (Superior Tribunal de Justiça), que pede a suspeição do juiz Sergio Moro no processo do caso do tríplex do Guarujá, seja julgado.

O caso chegou à instância superior após o recurso ter sido negado pelo próprio Moro e também pelo TRF (Tribunal Regional Federal) da 4ª Região, em Porto Alegre. Agora, o pedido da defesa está no STJ, que por meio do ministro relator Felix Fischer, da 5ª Turma, vai declarar se o magistrado de Curitiba agiu de forma parcial.

A defesa de Lula elencou nove motivos para pedir a suspeição do juiz de Curitiba, entre eles, o uso de linguagem que poderia indicar certeza de condenação ainda no recebimento da denúncia e um vídeo divulgado onde Moro aparece com os procuradores da força-tarefa da Lava Jato.

O parecer foi dado pela subprocuradora-geral da República Aurea Maria Etelvina Nogueira Lustosa Pierre e juntado no agravo no STJ na última segunda-feira, dia 18 de setembro. No documento, a subprocuradora votou pelo conhecimento e provimento do agravo feito pela defesa.

Lula foi condenado em julho passado a nove anos e meio de prisão pelo juiz Sergio Moro, acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por ter supostamente aceitado propina da OAS, na forma de um tríplex reformado, em troca de contratos da empreiteira com a Petrobras.

O recurso é mais um embate entre os advogados de Lula e o juiz Sergio Moro. Em interrogatório na semana passada, Lula chegou a perguntar ao magistrado se ele "seria julgado por um juiz imparcial". Moro respondeu: "Não cabe ao senhor fazer esse tipo de pergunta para mim. Mas de todo modo, sim."

Lula foi ouvido na ação em que responde pela acusação de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso envolvendo a suposta compra de um apartamento vizinho ao onde mora, em São Bernardo do Campo, e doação de um terreno, ambos pela Odebrecht, em troca de contratos com a Odebrecht.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESENVOLVIMENTO
Jaraguari terá primeira indústria de etanol de milho de Mato Grosso do Sul
NA CAPITAL
Dois são flagrados com tabletes de maconha que seriam arremessados em presídio
POLÍTICA
Bolsonaro exonera Novaes do cargo de presidente do Banco do Brasil
CRIME AMBIENTAL
Engenheiro leva multa de R$ 50 mil por degradação de área protegida
DOURADOS
Saúde institui Núcleo Emergencial de Assistência após seis meses de pandemia
LIBERTADORES
Flamengo volta ao Equador para encarar o Barcelona
POLÍTICA
Douradenses tiveram mais de 200 opções para Câmara de Vereadores nas eleições de 2016
DOURADOS
Câmara recebe CTG e destaca Semana Farroupilha e Dia do Gaúcho
ONU
Bolsonaro diz que Brasil é vítima de desinformação sobre o meio ambiente; leia o discurso
MATO GROSSO DO SUL
Escrivães aprovados no concurso da Polícia Civil são convocados

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista bêbado atropela cinco pessoas que voltavam da igreja no Novo Horizonte
ESTADO
Confraternização em fazenda termina com tragédia após briga familiar
TRAGÉDIA
Bombeiro em Dourados morre durante acidente em Santa Catarina
DOURADOS
Amigos e familiares de entregador morto em acidente pedem que justiça seja feita