Menu
Busca domingo, 29 de março de 2020
(67) 9860-3221

Lojas começam liquidações, após vendas mornas no Natal

03 janeiro 2013 - 13h35

#####O Globo

Após um Natal de vendas mornas, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio (CNC), o varejo aposta todas as suas fichas em liquidações nestes primeiros dias de 2013. Shoppings e redes de varejo investem em promoções com até 80% de desconto para poder zerar os estoques.

De acordo com Carlos Thadeu de Freitas, ex-diretor do Banco Central (BC) e economista-chefe da CNC, as vendas em dezembro do ano passado cresceram 6,5% em relação ao mesmo período do ano anterior. Foi o mesmo patamar de 2011:

—Não chegou a ser um Natal tímido, mas foi morno. Os negócios foram alavancados pelo crédito, mas o nível de endividamento no país segurou as vendas no fim do ano. Por isso, as liquidações agora serão mais fortes em relação ao início do ano passado.

Christian Travassos, economista da Fecomércio-RJ, lembra que as vendas de alguns segmentos em dezembro, como vestuários e brinquedos, ficaram dentro das expectativas, com alta de 9,6% em relação a dezembro do ano anterior.

—Cerca de 40% das famílias no país chegaram em dezembro com algum financiamento. Deste total 12% estavam com algum tipo de atraso. O número é elevado, mas vem caindo em relação a períodos anteriores — disse Travassos.

Para o consultor Antônio Cesar Carvalho, da Acomp Consultoria, as vendas subiram entre 5% e 10% no fim do ano, dependendo do segmento.

—Não foi ruim, mas também não foi tão bom. Por isso, no dia 26, já havia ofertas.

A Ricardo Eletro lançou ontem seu “Mega Saldão”, com descontos de até 80%. A meta é elevar as vendas em 20% neste início de ano em relação a 2012. A companhia informa que as ofertas representam um dos seus maiores volumes de venda do ano, junto com o Natal. O Walmart projeta alta de 15% a 20% nas vendas do seu saldão, que começou ontem. Carrefour, Ponto Frio e Casas Bahia também lançaram ontem suas liquidações de início de ano.

O grupo Pão de Açúcar, que diz ter registrado boas vendas no Natal, já concede descontos em itens natalinos e inicia amanhã o “Feliz Saldão Novo”:

—São descontos de até 50%. Queremos vender o que sobrou do Natal. Estamos com TVs de LED, de 32 polegadas, a partir de R$ 849 e tablets a partir de R$ 349 — diz Paulo Drago, diretor Comercial e de Operações do grupo no Rio.

Para manter o ritmo de vendas de dezembro, o BarraShopping inicia hoje o “Saldão de Natal”, que oferece descontos de até 70% e vai até domingo. Segundo Tina Adnet, gerente de Marketing do shopping, a meta é elevar as vendas em 10% em janeiro:

—Quase todas as 600 lojas aderiram às ofertas. E no fim de janeiro estamos preparando outra liquidação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Prefeitura pretende manter estratégias após primeiras confirmações de coronavírus
SAÚDE
Ministério alerta para risco do uso de cloroquina sem indicação médica
AMAMBAI
Motociclista morre após colisão contra Hilux na região de fronteira
DOIS ANOS
TJ/MS prorroga a validade do VIII Concurso Público de Servidores
PREVENÇÃO
Paraguai estende isolamento total contra o coronavírus até 12 de abril
CORONAVÍRUS
'Se sair andando todos de uma vez, vai faltar para rico e pobre', diz Mandetta
BATAGUASSU
Homem é preso após tentar atropelar e ameaçar manter família em cárcere
ARTIGO
COVID-19: Reflexões a respeito do primeiro caso registrado em Dourados
CORUMBÁ
Sete bolivianos são flagrados tentado entrar irregularmente no Brasil
ECONOMIA
Judiciário destina R$ 89 mil para combate ao COVID-19 em Dourados

Mais Lidas

COVID-19
Saúde confirma coronavírus para mulher internada em Dourados e casos chegam a 28 em MS
COVID-19
Dourados confirma primeiro caso do novo coronavírus
COVID-19
Mulher de 52 anos é o 2º caso de coronavírus em Dourados, total no Estado é de 31
DOURADOS
Sindicato emite nota e diz que empregados foram obrigados a participar de ato