Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

IX Conferência Nacional de Assistência Social será realizada em dezembro de 2013

18 dezembro 2012 - 17h45

Avaliar o desenvolvimento das políticas públicas de assistência social e propor novas diretrizes para o seu aperfeiçoamento, buscando principalmente avanços no Sistema Único da Assistência Social (Suas). Com esse objetivo, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e o Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) estão convocando a IX Conferência Nacional de Assistência Social, que será realizada entre 16 e 19 de dezembro de 2013, em Brasília.



A conferência foi convocada por meio de portaria conjunta assinada pela ministra Tereza Campello e pela presidenta do CNAS, Luziele Tapajós. O texto foi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (18).



A conferência é promovida a cada dois anos. O tema em 2013 será a gestão e o financiamento na efetivação do Suas. A partir da publicação da portaria, serão realizadas conferências municipais em mais de 5 mil cidades e encontros estaduais em todas as 27 unidades da Federação. Mais de 2 mil pessoas devem participar da IX Conferência Nacional de Assistência social. Entre elas, trabalhadores da assistência social, usuários dos serviços socioassistencias e representantes da sociedade civil eleitos durante os encontros preparatórios para o evento.



O secretário executivo interino do MDS, Marcelo Cardona, ressalta que a conferência é uma oportunidade de “dialogar com todas as instâncias da assistência social, aperfeiçoar as políticas voltadas à área e consolidar o Suas”. A assistência social, lembra, teve grandes avanços nos últimos dez anos, especialmente com a aprovação da nova Norma Operacional Básica do Suas, que define novos parâmetros do financiamento e a forma de planejamento das ações voltadas à área. “Vamos estabelecer metas e compromissos com os gestores estaduais e municipais. Isso vai permitir que a gente preste serviço com maior qualidade em todo o país”, diz o secretário.



Segundo a presidente do CNAS, Luziele Tapajós, a convocação da conferência mostra que o governo e a sociedade civil querem avaliar e aperfeiçoar a política de assistência social. “A conferência é o espaço máximo de deliberação da política de assistência social e deve prover a mais ampla participação social em torno do tema. É justamente o momento em que usuários, trabalhadores, intelectuais, universidades e gestores podem se manifestar em torno do Suas.”

Deixe seu Comentário

Leia Também

AVANÇO DA PANDEMIA
Ministério confirma 58 novas mortes por coronavírus, e total chega a 299
DOURADOS
Exame de jovem que morreu no HU testa negativo para coronavírus
OPERAÇÃO
Polícia identifica criminoso que pretendia praticar roubo milionário em MS
ECONOMIA
Dólar sobe pouco, mas tem novo recorde de fechamento
MATO GROSSO DO SUL
Paulista é flagrado com pescado, barco, motor e petrechos
FRONTEIRA
Ação conjunta fecha 48 comércios e prende uma pessoa em Ponta Porã
SAÚDE
Governo de MS diz ter três desafios diante da pandemia do coronavírus
BRASIL
Laboratórios agropecuários poderão atuar no diagnóstico de covid-19
CORONAVÍRUS
MPF impede deliberação da Anvisa sobre agrotóxico durante a pandemia da covid-19
MATO GROSSO DO SUL
Em sessão remota, governo encaminha quatro projetos de lei à Assembleia

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações