Menu
Busca quarta, 20 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
EDUCAÇÃO

Inscrições para bolsas de estudo na Europa começam neste mês

08 novembro 2020 - 11h00Por gov.br

Um acordo de cooperação técnica entre o Ministério da Educação (MEC) e o Ministério dos Negócios Estrangeiros e do Comércio Exterior da Hungria oferecerá 250 bolsas para estudantes brasileiros para o ano letivo 2021/2022 por meio do programa Stipendium Hungaricum (SH).

O período de inscrições é de 16 de novembro de 2020 a 15 de janeiro de 2021 por meio do site do programa para os cursos que começam em setembro de 2021. Ao todo serão ofertadas 750 bolsas, por meio do acordo de cooperação técnica no período de 2020 a 2022, para estudantes brasileiros.

O programa é coordenado pela Fundação Tempus e conta com mais de 60 países parceiros em todo o mundo. As bolsas contemplam cursos de graduação, mestrado, doutorado, cursos preparatórios em húngaro e cursos de especialização. As áreas acadêmicas de destaque são as ciências naturais e agrárias, além de cursos de engenharia, incluindo estudos nucleares.

Bolsas

O programa SH prevê a isenção de taxas universitárias, auxílio mensal de 390 a 500 euros para alunos de doutorado e de 120 euros para alunos de graduação e mestrado, durante o período de estudos. As bolsas também incluem alojamento gratuito ou uma ajuda de custo para acomodação no valor de 110 euros.

Os selecionados ainda têm direito a seguro médico no sistema público de saúde da Hungria e a receber uma carteira de estudante que dá direito a descontos no transporte público, museus e eventos. A legislação húngara permite 24 horas semanais de trabalho para quem possuir permissão de residência como estudante no país.

Requisitos e candidatura

Para se candidatar, o aluno deverá ter 18 anos completos até o dia 31 de agosto do ano em que for iniciar os estudos na Hungria. Também é necessário apresentar um certificado de proficiência em língua inglesa, pelo menos de nível intermediário, emitido por qualquer instituição de idiomas.

Os interessados terão a oportunidade de escolher entre as opções de uma lista de quase 30 instituições de ensino húngaras e mais de 450 cursos em inglês, nas mais variadas áreas. Há, ainda, a possibilidade de estudar outras línguas, como alemão, francês ou até mesmo húngaro. A lista completa de cursos acessíveis para os estudantes de cada país parceiro constará nos editais e pode ter variações de um ano para o outro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Mulher é presa acusada de furtar R$ 1,5 mil em roupas de supermercado
JUDICIÁRIO
STF decide que pobre não deve pagar honorários se perder ação trabalhista
NAVIRAÍ
Homem é preso suspeito de matar sogro durante atentado a tiros
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil ultrapassa 604 mil mortes por Covid; média volta à estabilidade
Suspeitos de assassinato de fazendeiro em Naviraí são presos no Paraná
POLÍCIA
Suspeitos de assassinato de fazendeiro em Naviraí são presos no Paraná
ESPORTE
Mais de 400 atletas vão disputar modalidades coletivas dos Jogos Escolares
CAPITAL
Guarda municipal é preso dirigindo embriagado após desacatar colegas
DOURADOS
Trecho da Rua Hayel Bon Faker afetado no temporal é liberado
IVINHEMA
Descarga de 34 mil volts mata homem que fazia reparos em rede elétrica
COMER BEM
Caderno "Comer Bem" gera visibilidade e lucro ao seu negócio

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Mulher é presa após se masturbar em praça pública
LEGISLATIVO
Em Dourados, projeto quer criar Dia Municipal do Torcedor Flamenguista
CAPTURA
Cobra é capturada em para-choque de carro na região central de Dourados
DOURADOS
Preso por violência doméstica passa por audiência de custódia e tem preventiva decretada