Menu
Busca quarta, 22 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
SAÚDE

Infecções por HIV aumentam 11% no Brasil em oito anos, aponta Unaids

16 julho 2014 - 13h14

Relatório divulgado hoje (16) pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV e Aids (Unaids) indica que as novas infecções por HIV no Brasil aumentaram 11% entre 2005 e 2013. No ano passado, o país registrou 47% de todos os novos casos contabilizados na América Latina.

A estimativa do Unaids é que 1,6 milhão de pessoas vivem com HIV na região. A maioria dos casos (75%) se concentra em cinco países – Argentina, Brasil, Colômbia, México e Venezuela. A América Latina registrou queda de 3% em novas infecções entre 2005 e 2013, mas os índices variam de país para país. O México, por exemplo, registrou queda de 39% e o Peru, de 26%.

O cálculo é que, na região, dez novas infecções por HIV são registradas a cada hora. Os grupos particularmente vulneráveis a novas infecções e que representam uma parcela significativa de soropositivos incluem transgêneros; homensgays; homens que fazem sexo com homens; homens e mulheres que atuam como profissionais do sexo e seus clientes; e usuários de drogas.

Os dados mostram ainda que aproximadamente um terço das novas infecções na América Latina ocorre em pessoas jovens, com idade entre 15 anos e 24 anos. “Populações mais vulneráveis enfrentam altos níveis de estigma, discriminação e violência, que criam obstáculos no acesso à prevenção da doença, ao tratamento, ao cuidado e aos serviços de apoio”, informou o Unaids.

O órgão destacou, entretanto, que a América Latina continua a ser a região com a maior cobertura antirretroviral do mundo – aproximadamente 45% dos 1,6 milhão de pessoas com HIV que têm acesso à terapia. Novamente, os índices variam de país para país. Brasil, Chile, El Salvador, México, Peru e Venezuela registram mais de 40% de cobertura, enquanto o tratamento na Bolívia alcança menos de 20% das pessoas infectadas.

O relatório ressaltou também que Brasil e Panamá alteraram recentemente o protocolo de atendimento para soropositivos, possibilitando que todas as pessoas com HIV, independentemente da carga viral do paciente. Unaids alerta: 19 milhões de pessoas não sabem que estão infectadas pelo HIV. (Agência Brasil).


Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia investiga se candidato foi morto por ouvir polca de Partido
PARAGUAI
Polícia investiga se candidato foi morto por ouvir polca de Partido
IMUNIZAÇÃO
Cabe a estados decidir vacinação de adolescentes, diz Lewandowski
Motorista fica em estado grave após colidir carro em árvore na MS-162
Motorista fica em estado grave após colidir carro em árvore na MS-162
ONLINE
Sebrae e Fundect abrem inscrições para acesso a mercados de inovação
VIOLÊNCIA
Preso em tiroteio que matou sequestrador tem mais de 45 passagens
BRASIL
Senado aprova PEC que flexibiliza gastos na educação em 2020 e 2021
COMITIVA
Queiroga é diagnosticado com Covid-19 e ficará em quarentena em NY
JUDICIÁRIO
Moraes mantém ordem de prisão contra o caminhoneiro Zé Trovão
TRÁFICO
Polícia encontra 7 crianças, ao 'estourar' centro de distribuição de drogas
EMPREGO
Funai é autorizada a abrir concurso com 776 vagas temporárias

Mais Lidas

DOURADOS
'Buguinha' é presa e diz que matou caseiro por legítima defesa
DOURADOS
Envolvida em execução de detetive é presa novamente em Dourados
DOURADOS
Vizinhos sentem mau cheiro e idoso é encontrado morto no Novo Horizonte
SITIOCA CAMPINA VERDE
Caseiro é assassinado com golpe de faca em Dourados