Menu
Busca segunda, 08 de março de 2021
(67) 99257-3397

Goiás pode voltar hoje à lanterna do Brasileirão 2003

06 outubro 2003 - 09h08

O Supremo Tribunal de Justiça Desportiva julga nesta segunda a ação movida pelo Grêmio contra o seu ex-jogador Grafite, que atualmente atua pelo Goiás. O time gaúcho alega que o atleta foi escalado para seis partidas do Campeonato Brasileiro de forma irregular, porque não apresentava o BID (Boletim Interno Diário), que é a identidade de qualquer jogador. A CBF, porém, demora 72 horas para conceder essa identificação e, segundo os cartolas gremistas, Grafite teria jogado antes da confirmação. Se o Goiás for culpado pela ação, perderá todos os pontos dos jogos contra o próprio Grêmio, Cruzeiro, Paraná, Juventude, Internacional (todos com vitória do clube goiano) e contra o Flamengo (empate). O que acarretaria uma perda de 16 pontos na tabela. O Goiás, que era lanterna no começo do Brasileirão e ascendeu de forma incrível com 16 jogos sem perder, corre risco de voltar a rabeira da classificação. Se confirmado, o time do técnico Cuca ficaria atrás do Grêmio com 28 pontos, já que tem 44 e ocupa a décima quarta colocação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Senado vai ouvir governadores e ministros sobre combate à pandemia
BRASIL
Senado vai ouvir governadores e ministros sobre combate à pandemia
Mulheres ocupam 36% do mercado de trabalho formal em MS
EMPREGO
Mulheres ocupam 36% do mercado de trabalho formal em MS
Jovem é preso ao ser flagrado comercializando drogas em poliesportivo
REGIÃO
Jovem é preso ao ser flagrado comercializando drogas em poliesportivo
Ministro da Educação diz esperar acordo para levar lista tríplice ao presidente
UFGD
Ministro da Educação diz esperar acordo para levar lista tríplice ao presidente
No Dia da Mulher, Neno Razuk ressalta projeto que as favorecem e relembra o exemplo da mãe Delia
LEGISLATIVO
No Dia da Mulher, Neno Razuk ressalta projeto que as favorecem e relembra o exemplo da mãe Delia
CAMPO GRANDE
Homem é encontrado morto em quarto de motel
MS
Júri condena mulher por assassinato de pecuarista em suposto triângulo amoroso
DOURADOS
Ministro entrega Unidade da Mulher e da Criança e não dá prazo para início de atendimentos
PANDEMIA 
Com lotação máxima, pacientes da região usam UTI's ainda não habilitadas pelo SUS
BRASIL
Supremo confirma vigência de medidas sanitárias contra a covid-19

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Homem é assassinado na região de fronteira e autores deixam recado ao lado do corpo
CENTRO
Douradense é assaltado ao sair de casa para pedalar na madrugada
IMUNIZAÇÃO
Vacinação contra a Covid faz idosos 'amanhecerem' na fila em Dourados
DOURADOS 
Bebê de 9 meses espancado pela mãe é transferido para o HU