Menu
Busca sexta, 29 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Garimpeiro brasileiro no Suriname diz que há pessoas desaparecidas

27 dezembro 2009 - 10h16

Um ataque a cerca de 80 garimpeiros brasileiros deixou 25 feridos no Suriname. A ação foi uma vingança da população local à morte de um morador que teria sido assassinado por um brasileiro.

Segundo um garimpeiro paraense que mora no Suriname, a situação ainda é muito difícil no país e ainda há muitos brasileiros desaparecidos. “As pessoas estão tentando ajudar umas às outras”, em entrevista à TV RBA (Rede Brasil Amazônia de Televisão), afiliada da Band em Belém do Pará.

O Suriname é um dos países mais pobres do planeta. A população de menos de 500 mil habitantes é equivalente à da cidade de Uberaba, no triângulo mineiro. Apesar da pobreza, a ex-colônia holandesa virou alvo de uma romaria de garimpeiros e prostitutas que chegaram do Brasil. Eles se concentram no norte do país, próximos à fronteira com a Guiana, e vivem em situação degradante.

O conflito aconteceu na cidade de Albina, onde boa parte dos 5.000 habitantes é composta por brasileiros. De acordo com o embaixador brasileiro no Suriname, José Luiz Machado e Costa, o ataque foi uma retaliação dos quilombolas pelo assassinato de um morador local por um brasileiro.

“Não há nenhum tipo de tensão entre os surinameses e os brasileiros, eles convivem há mais de 15 anos nessa situação do garimpo. (...) Foi uma disputa de poder pelo controla da área”, afirmou Costa.

Cerca de 80 brasileiros foram removidos em dois ônibus para a capital do país, Paramaribo. Outros teriam fugido atravessando a fronteira com a Guiana.

assiste('









');

Deixe seu Comentário

Leia Também

COSTA RICA
Menina de 3 anos dormia com a mãe que foi assassinada a facadas pelo ex
POLÍTICA
Bolsonaro diz que auxílio emergencial poderá ter a quarta parcela
JUDICIÁRIO
MP denuncia juiz por ter recebido propina para liberar precatórios
ENSINO SUPERIOR
Ainda sem data, Enem 2020 já tem 6,1 milhões de inscritos
TRÊS LAGOAS
Motociclista é atingida por linha com cerol e garotos que soltavam pipa fogem
ECONOMIA
Compras com auxílio emergencial poderão ser pagas via celular
CARTILHA
Tribunal de Justiça lança Guia de Boas Práticas para Pessoas com Deficiência
CAPITAL
Idoso é enganado por golpistas, entrega dois cartões e fica no prejuízo
JUSTIÇA
Ministro do STF nega recurso e mantém pena de prefeito condenado por tráfico
DESCAMINHO
Receita Federal apreende duas toneladas de narguilé contrabandeadas

Mais Lidas

PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
TRÁFICO
Servidor da Sesai usava veículo oficial para trazer maconha do Paraguai
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
DOURADOS
Após brigar com a ex e decidir dormir na rua, homem é assaltado e agredido