Menu
Busca sexta, 05 de março de 2021
(67) 99257-3397

Frente fria leva instabilidades ao Sudeste do Brasil

13 abril 2004 - 06h48

Uma frente fria se afasta para o mar mas as suas instabilidades ainda provocam bastante chuva no Espírito Santo. As nuvens estão carregadas também no centro-norte de Goiás, na maior parte de Minas Gerais e no Rio de Janeiro. Na região Sul e em Mato Grosso do Sul o ar seco e quente que predomina dificulta a formação de instabilidades. Em São Paulo, no Triângulo Mineiro e nas outras áreas da região Centro-Oeste o sol aparece entre muitas nuvens e o calor provoca pancadas de chuva à tarde. Instabilidades tropicais permanecem sobre a região Norte e cobrem o oeste da região Nordeste. As pancadas de chuva intercalam períodos de sol. Nas demais áreas nordestinas o ar quente do Atlântico determina um dia de sol e são esperadas chuvas isoladas e passageiras. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Lances de mão na bola terão novas regras; entenda o que muda
BATAGUASSU
Homem é encontrado morto com tiros na cabeça em área de pasto
Agesul interdita parcialmente ponte na MS-243, na região do Nabileque
PANTANAL
Agesul interdita parcialmente ponte na MS-243, na região do Nabileque
CORUMBÁ
Bombeiros suspendem buscas por homem desaparecido há 12 dias em fazenda
PAGAMENTO
Guedes diz que governo antecipará 13º de idosos e dos 'mais frágeis'
TRÊS LAGOAS
Depois de seis meses foragido, suspeito de matar mulher cega é preso
PANDEMIA 
Projeto de lei prevê vacinação em domicílio para idosos a partir de 60 anos
NAVIRAÍ
Idoso morre após bater caminhonete de frente com caminhão na BR-163
PIOR MOMENTO
Brasil registra 1.760 mortes por Covid em 24 h; média é recorde pelo 7º dia
TRÁFICO
Casal que usou filhos para despistar polícia levava 45 quilos de cocaína

Mais Lidas

DOURADOS 
Vídeo mostra momento da colisão entre veículos em Dourados
PONTA PORÃ
Casal é assassinado na fronteira e corpos são deixados um ao lado do outro
NOVA DOURADOS
Colisão entre veículos deixa pessoa gravemente ferida em Dourados
PANDEMIA 
Secretário alerta para nova variante do coronavírus na região da Grande Dourados