domingo, 16 de junho de 2024
Dourados
22ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
EDUCAÇÃO

Enem 2024: prazo para inscrições termina na sexta-feira

10 junho 2024 - 20h50Por Agência Brasil

Termina na próxima sexta-feira, dia 14 de junho, o prazo para inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Ministério da Educação pede aos candidatos que fiquem atentos ao cronograma que foi alterado, de forma a ajustar datas, de forma a garantir a participação dos estudantes do Rio Grande do Sul, prejudicados pelas enchentes que, desde o final de abril, atingem o estado.

Para se inscrever, os estudantes devem acessar a Página do Participante e utilizar o cadastro na conta gov.br. A taxa de inscrição é de R$ 85, e deve ser paga até 19 de junho. O Inep aplicará as provas em 3 e 10 de novembro, nas 27 unidades federativas.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), as solicitações de atendimento especializado e tratamento por nome social também vão até 14 de junho.

“Com essa decisão, nós queremos ampliar ainda mais as oportunidades para que os jovens façam o Enem, que é a porta de entrada para a graduação. Estudantes do Rio Grande do Sul e de todo o Brasil agora têm mais uma semana para se inscrever, pela Página do Participante. Quem está concluindo o ensino médio em escola pública não paga taxa de inscrição”, informou, por meio de nota, o ministro da Educação, Camilo Santana.

O Ministério da Educação divulgou balanço contabilizando que praticamente 100% dos concluintes do ensino médio da rede pública estão inscritos no Enem em estados como Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

No Rio Grande do Sul, embora a rede de ensino ainda esteja em recuperação das enchentes, mais de 70% dos formandos da rede pública estão inscritos, segundo o MEC.

Enem

Criado em 1998, o Enem avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica e também é a principal porta de entrada para a educação superior no país.

Os resultados da avaliação podem ser usados para acesso ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e ao Programa Universidade para Todos (ProUni) e também são aceitos em instituições privadas e de outros países de língua portuguesa que tenham acordo com o Brasil.

Os estudantes que não concluíram o ensino médio também podem participar na condição de treineiros, para autoavaliação nos anos anteriores ao término da educação básica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Alems, TJ e Governo se unem em apoio ao Ponto Final para Feminicídio
POLÍTICA

Alems, TJ e Governo se unem em apoio ao Ponto Final para Feminicídio

FUTEBOL

Cruzeiro anuncia acordo com Dudu, atacante do Palmeiras

Pneu de carreta estoura e homem morre na varanda de casa

Pneu de carreta estoura e homem morre na varanda de casa

UEMS é uma das organizadoras do Seminário da Rede UniSustentável
EDUCAÇÃO

UEMS é uma das organizadoras do Seminário da Rede UniSustentável

Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio vai a R$ 53 milhões
LOTERIAS

Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio vai a R$ 53 milhões

FUTEBOL

Estadual Sub-20 abre rodada com vitórias de Aquidauanense e Dourados

POLÍTICA

Presidente do Solidariedade, Eurípedes Jr. se entrega após 4 dias foragido

CASSILÂNDIA

Jovem é morto pelo próprio irmão após supostamente agredir a mãe

TEMPO

Domingo de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove

POLÍTICA

Comissão aprova punições para pessoas e empresas que discriminarem pessoas com autismo

Mais Lidas

NEGÓCIOS E CIA

Veja quem recebe o PIS/Pasep na próxima semana

LUTO

Policial civil sofre infarto no trabalho e morre em hospital de Dourados

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

Missão Caiuá é "desclassificada" pela Sesai e deixará de atender saúde indígena em Dourados

DOURADOS

Motociclista 'fura' preferencial, é atingida por veículo e morre no Hospital da Vida