quinta, 25 de abril de 2024
Dourados
22ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Brasileiro é acusado de 17 estupros na Espanha

19 setembro 2003 - 13h23

A polícia espanhola acusa um cidadão brasileiro detido em Madri, de ser o autor de 17 estupros desde agosto do 2000, o que o converte em um dos maiores agressores sexuais na Espanha nos últimos tempos. O acusado foi identificado como Juvenilson D. da S., de 32 anos, que foi preso sob suspeita de ter cometido cinco "crimes contra a liberdade sexual". Posteriormente, disse hoje a polícia, outras onze mulheres, entre doze vítimas de estupros, o identificaram sem dúvida nenhuma como a pessoa que as agrediu. Juvenilson, que mora na Espanha há quatro anos, foi detido no último dia 12, quando seguia duas mulheres. A polícia achou em seu poder uma faca e o telefone celular de uma de suas vítimas e em sua casa outros aparelhos do mesmo tipo e diversos objetos, supostamente pertencentes a outras de suas vítimas. A polícia, que deteve Juvenilson como suposto autor de cinco estupros cometidos na localidade madrilenha de Pozuelo de Alarcón, lhe atribui outros doze crimes do mesmo tipo cometidos nas imediações de uma praça do centro de Madri, já que onze das doze mulheres o reconheceram em fotografias. A chefe do Serviço de Atenção à Mulher (SAM) da polícia madrilenha, Elena Palacios, disse hoje à imprensa que entre agosto do 2000 e maio último a Polícia recebeu doze denúncias de agressões sexuais cometidas em vários parques e praças do centro de Madri e, em todos os casos, com uma forma de atuar parecida. O suposto agressor, que atacava principalmente jovens menores de 24 anos, morenas e com cabelo comprido, as abordava com uma faca na rua e as conduzia a áreas arborizadas e com muito barulho, onde as estuprava enquanto segurava a arma perto de seu pescoço e depois ameaçava matá-las se não ficassem em silêncio enquanto fugia. Além disso, ele roubou oito das vítimas, das quais levou dinheiro, a bolsa e outros objetos pessoais, como telefones celulares. A Polícia demorou a ligar estes fatos a um "estuprador em série", já que entre a primeira agressão e a segunda, em outubro de 2001, transcorreu mais de um ano, e os dias e as horas em que agia variavam. No entanto, os testes feitos pelos investigadores em oito vítimas detectaram o DNA do mesmo estuprador. Três das 17 vítimas tinham 16 anos, enquanto que a idade das outras oscilava entre 19 e 34 anos. Segundo os policiais que o prenderam, o estuprador vivia há cinco meses com sua namorada, também brasileira, e não despertara nenhuma suspeita entre seus companheiros de trabalho, que admiravam seu bom caráter. A um deles, segundo a polícia, inclusive presenteou com um dos objetos roubados. O cidadão brasileiro pode se converter no segundo estuprador com mais agressões nos últimos anos na Espanha, depois de um homem madrilenho que em janeiro de 2000 foi condenado a 514 anos de prisão por ter violentado ou agredido sexualmente 26 mulheres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL

Agraer vai comprar de 60 mil mudas de erva-mate para distribuir a pequenos produtores

CLIMA

Quinta-feira tem previsão de sol e tempo seco em grande parte do Estado

Após alta na carne bovina, Dourados inicia a quinta com preços fixos no agro
COTAÇÃO

Após alta na carne bovina, Dourados inicia a quinta com preços fixos no agro

ECONOMIA

Regulamentação da reforma tributária prevê alíquota média de 26,5%

POLÍTICA

Sessão do Congresso Nacional sobre vetos presidenciais é adiada

ECONOMIA

Vacina tetravalente contra a gripe do Butantan terá verbas do BNDES

SAÚDE

Unidade Móvel do Hospital de Amor está em Coronel Sapucaia nesta semana

PESQUISA

A cada 8 minutos, uma mulher é vítima de estupro no país

CÂMARA DE DOURADOS

Marcio Pudim pede obras de asfalto, tubulação e quebra-molas em distritos

COMUNICAÇÃO

EBC passará a ter Comitê Editorial e de Programação

Mais Lidas

SENAR

Do Japão para Mato Grosso do Sul: filha assume legado do pai e se tornou pecuarista

COLISÃO

Mãe e criança morrem após colisão de caminhonete e carro na BR-163

DOURADOS

Concurso "Miss e Mister Indígena" acontece no próximo sábado na Jaguapiru

COTAÇÃO

Soja em alta; confira como iniciam os preços do agro nesta quarta