Menu
Busca quarta, 08 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Brasil vence Jogos Sul-Americanos pela primeira vez

12 agosto 2002 - 11h22

O Brasil sagrou-se campeão dos Jogos Sul-Americanos, pela primeira vez em sua história. A Venezuela ficou em segundo lugar relegando os argentinos a um incomum terceiro lugar. A Argentina, até então a potência esportiva hegemônica no continente, ficou em terceira vez.
A sétima edição da competição terminou ontem, com o Brasil já garantindo o título na véspera. O país conquistou 330 medalhas, das quais 146 foram de ouro, 94 de prata e 90 de bronze. A Venezuela somou 228 medalhas, incluindo 95 de ouro, 68 de prata e 65 de bronze, deixando a Argentina com 245 (75 de ouro, 91 de prata e 79 de prata).
Em quarto lugar ficou o Chile, com 118 medalhas, das quais 29 de ouro, 41 de prata e 48 de bronze.
Até este ano, o melhor desempenho do Brasil nos Jogos Sul-Americanos havia sido em 1998, quando o país chegou em terceiro lugar, somando 153 medalhas, incluindo 50 de ouro.


Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Entregadores de aplicativos pedem legislação específica para categoria
MATO GROSSO DO SUL
Loja deve indenizar por forçar pagamento de produto não adquirido
CAMPO GRANDE
Exército Brasileiro realiza controle de fluxo e aferição de temperatura no HRMS
POLÍCIA
DNA revela que preso em São Paulo é autor de estupro em MS
SAÚDE
MPF ajuíza ação pedindo atendimento para indígenas residentes em áreas urbanas
REGIÃO
PMA flagra trio por pesca ilegal no rio Paraná
MATO GROSSO DO SUL
Hospitais terão que informar Secretaria sobre situação de internações por Covid-19
LEGISLATIVO DE MS
Aprovada utilização de Libras nos programas da rede pública de TV
ECONOMIA
Dólar fecha em queda com exterior e dados de varejo
DESMATAMENTO
Gaúcho leva multa de R$ 33 mil por crime ambiental praticado em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Acusado de matar secretário pode ter tido surto de esquizofrenia
BR-163
Casal que morreu ao bater em carreta morava em Campo Grande
PANDEMIA
Dourados confirma mais três óbitos por coronavírus e ultrapassa 3 mil casos
PANDEMIA
Comerciante de 45 anos é a 37ª vítima do coronavírus em Dourados