terça, 16 de agosto de 2022
Dourados
33°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Brasil vence a lanterna Bolívia e reassume liderança das eliminatórias

05 setembro 2004 - 18h12

O Brasil reassumiu a liderança das eliminatórias sul-americanas para a Copa-2006 ao bater neste domingo a Bolívia por 3 a 1, no Morumbi, no duelo que marcou a estréia do atacante Ronaldo, com a camisa da seleção, em São Paulo.Isso depois de mais de dez anos servindo o time nacional. Com gols de Ronaldo --dedicado a namorada, a modelo Daniela Cicarelli--, de Ronaldinho (pênalti) e de Adriano (cabeça), a seleção chegou aos 16 pontos e ultrapassou a Argentina, que tem 15. Os argentinos chegaram a liderar após ganharem do Peru (3 a 1), em Lima, ontem.Ainda neste domingo, o Uruguai bateu o Equador por 1 a 0, em Montevidéu, e voltou a vencer pela competição continental após três derrotas. A rodada está sendo encerrada agora à noite nos jogos entre Paraguai x Venezuela e Chile x Colômbia. Um verdadeiro clima de festa foi armado para o time nacional antes do jogo, com direito a preliminar entre as modelos da agência Mega e Playboy e execução do hino nacional ao som de um piano de cauda. Tudo para celebrar o reencontro da seleção com a cidade de São Paulo depois de mais de três anos e pela primeira vez em 30 anos com a condição de detentora do título mundial. Os torcedores da capital só não tiveram o privilégio de ver a seleção com sua força máxima.O time entrou em campo desfigurado pelo veto da CBF aos jogadores do Milan (Dida, Cafu e Kaká) e do Bayern de Munique (Lúcio e Zé Roberto) que não atenderam o pedido da entidade para atuarem no amistoso no Haiti. Mesmo sem os cinco titulares, o Brasil não teve dificuldades para chegar à meta da frágil equipe boliviana, que ainda não venceu nestas eliminatórias quando atuou como visitante. A Bolívia é a última colocada --tem apenas seis pontos. Com Ronaldo apaixonado, inspirado e bem colocado dentro da área, o Brasil abriu o placar com menos de um minuto de jogo, quebrando dessa forma o esquema "retranqueiro" armado pelo técnico boliviano Ramiro Blacut. O meia Juninho Pernambucano, que era dúvida para o jogo depois de torcer o tornozelo direito ontem, cobrou escanteio da direita que o volante Edu cabeceou, a bola sobrou para Ronaldo que chutou cruzado: 1 a 0, com apenas 50 segundos. Foi o sétimo gol dele, que é artilheiro das eliminatórias. O segundo gol brasileiro saiu aos 12min. O lateral Roberto Carlos bateu falta pela direita, a bola bateu na barreira e sobrou para o zagueiro Roque Júnior, que foi derrubado pelo meia boliviano Cristaldo dentro da área. O juiz argentino Héctor Baldassi marcou pênalti, que o meia-atacante Ronaldinho converteu, um minuto depois: 2 a 0. Restando um minuto para o fim do primeiro tempo, a seleção levou a exigente torcida paulista (56.099 pessoas) ao delírio. Ronaldinho cruzou da esquerda e o atacante Adriano usou a cabeça para marcar: 3 a 0. No segundo tempo, o técnico da seleção, Carlos Alberto Parreira, decidiu poupar Juninho Pernambucano e Ronaldinho, trocando os dois, respectivamente, pelo volante Renato e pelo meia Alex. Também sacou Edu para a entrada de Robinho. "Vamos aproveitar para treinar e fazer um placar bem gostoso", dizia o treinador no intervalo. Mas quem "marcou" na etapa final foi a Bolívia. Aos 4min, Cristaldo bateu da entrada da área, Edmílson desviou a bola de cabeça e enganou o goleiro Júlio César. A seleção brasileira voltará a campo pelas eliminatórias em outubro, quando terá duas partidas em seqüência, contra a Venezuela, em Maracaibo, e Colômbia, em Maceió. BRASIL Júlio César; Belletti, Edmílson, Roque Júnior e Roberto Carlos; Juninho Pernambucano (Renato), Gilberto Silva e Edu (Robinho); Ronaldinho (Alex); Ronaldo e Adriano Técnico: Carlos Alberto Parreira BOLÍVIA Fernández; Alvarez, Raldes, Peña e Sánchez; Cristaldo, Ribeiro (Dufiño), Colque (Arana), Pizarro e Gutiérrez (Coimbra); Botero Técnico: Ramiro Blacut Gols: Ronaldo, a 1min, Ronaldinho, aos 13min, Adriano, aos 44min do primeiro tempo; Cristaldo, aos 4min do segundo tempo Cartões Amarelos:Belletti (BRA); Pizarro e Alvarez (BOL) Juiz: Héctor Baldassi (ARG) Local:Estádio do Morumbi, em São Paulo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Casa fica destruída por incêndio causado por queda de raio
NOVA ANDRADINA

Casa fica destruída por incêndio causado por queda de raio

GERAL

TJ/MS disponibiliza nova edição da Revista Trimestral de Jurisprudência

CAMPO GRANDE

Identificação de homem assassinado e que teve corpo queimado com óleo pode levar 10 dias

ELEIÇÕES 2022

TSE autoriza que mais militares façam inspeção das urnas

COSTA RICA

Adolescentes denunciam servidor por assédio sexual em prefeitura

NÚMEROS DA PANDEMIA

Média de mortes por Covid volta a cair após 29 dias de estabilidade

POLÍCIA

Baleado, ladrão invade casa e pede para ficar até socorro chegar

BRASIL

Teto do ICMS pode ser revisto se estados perderem receita, diz Guedes

CAPITAL

Homem de 31 anos sofre tentativa de homicídio por dupla em moto

MERCADO FINANCEIRO

Dólar fecha em leve alta e se aproxima da cotação de R$ 5,15

Mais Lidas

TRAGÉDIA

Passageiro tem corpo dilacerado ao cair de moto e ser atropelado por carreta 

ESTADO GRAVE

Mulher é esfaqueada por vizinho por se recusar a emprestar carregador

NOVA ANDRADINA

Funcionário de companhia de água encontra feto de bebê em esgoto

REGIÃO

Homem é preso por embriaguez após tombar carreta com placas de Dourados