Menu
Busca terça, 26 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Brasil tem a segunda seleção mais valiosa do mundo

11 dezembro 2009 - 12h30

O Brasil tem a segunda seleção mais valiosa do mundo, pelo menos em termos financeiros. No continente mais pobre do mundo, as seleções que desembarcarão para a Copa de 2010, na África do Sul, colocarão em campo uma verdadeira fortuna. Reunidas, as 32 equipes contam com ativos - na forma de jogadores - de mais de 5 bilhões (cerca de R$ 13 bilhões). Com todas as seleções que já foram campeãs do mundo em campo, a estimativa é de que a próxima Copa reunirá o maior valor (considerando quanto vale cada atleta) de toda a história.

Baseado nos direitos econômicos dos jogadores de cada seleção, o site português futebolfinance.com estimou que a seleção mais valiosa a disputar a Copa será a da Espanha, com jogadores como Fernando Torres, Iker Casillas e David Villa, acumulando um valor de 565 milhões (R$ 1,47 bilhão). O Brasil é a segunda equipe no ranking, com 515 milhões (R$ 1,34 bilhão). No balanço da "empresa canarinho" estão astros como o meia Kaká (Real Madrid), os atacantes Robinho (Manchester City) e Luís Fabiano (Sevilla), o lateral Daniel Alves (Barcelona) e o goleiro Júlio Cesar (Inter de Milão).

Apesar de não atravessar boa fase técnica, a França ocupa a 3ª posição, com 450 milhões (R$ 1,2 bilhão). Já a Inglaterra chega para disputar o título com jogadores que valem 440 milhões (R$ 1,14 bilhão) e a atual campeã do mundo, Itália, está avaliada em 400 milhões (R$ 1,04 bilhão). Os argentinos possuem uma seleção de 390 milhões (R$ 1 bilhão).

O grupo do Brasil na Copa é o que tem maior acumulação de capital entre todas as chaves, uma sinal da dificuldade que Dunga pode encontrar. Somados os valores dos jogadores de Brasil, Portugal e Costa do Marfim, os ativos ultrapassam 1 bilhão (R$ 2,6 bilhões). Portugal tem o jogador mais caro da história, o meia-atacante Cristiano Ronaldo. Pepe, brasileiro naturalizado português, é o zagueiro mais valioso, com direitos que alcançam os 30 milhões (R$ 78 milhões).

A isolada Coreia do Norte e a seleção que destoa, com um valor de apenas 15 milhões (R$ 39 milhões), o mais baixo entre todos os times da Copa. Isso significa que, na prática, cada jogador da seleção norte-coreana que enfrentará o Brasil vale menos de 1 milhão (R$ 2,6 milhão).

CIFRAS DA COPA
Soma dos 25 jogadores mais escalados
Espanha 1,4 bilhão
Brasil 1,3 bilhão
França 1,2 bilhão
Inglaterra 1,1 bilhão
Itália 1,040 bilhão
Argentina 1 bilhão
Portugal 884 milhões
Alemanha 793 milhões
Holanda 728 milhões
Sérvia 481 milhões
Costa do Marfim 468 milhões
Uruguai 377 milhões
Camarões 364 milhões
Nigéria 299 milhões
Gana 299 milhões
Suíça 299 milhões
Grécia 260 milhões
México 247 milhões
Paraguai 234 milhões
Chile 221 milhões
Dinamarca 221 milhões
Japão 182 milhões
Eslováquia 182 milhões
EUA 143 milhões
Argélia 143 milhões
Coreia do Sul 130 milhões
Eslovênia 117 milhões
Honduras 117 milhões
Austrália 104 milhões
África do Sul 91 milhões
Nova Zelândia 39 milhões
Coreia do Norte 39 milhões

var keywords = "";

Deixe seu Comentário

Leia Também

FLAGRANTE
Quase meio milhão de maços de cigarros contrabandeados são apreendidos em MS
COVID-19
Dourados tem 36 pacientes recuperados e 136 em isolamento domiciliar
RIO DE JANEIRO
Operação Placebo aprofunda investigações sobre corrupção na saúde
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher
FIM DA ROTA
Investigação iniciada em Minas resultou em operação que prendeu 17 em MS
INFORME PUBLICITÁRIO
Sopa? Sim, Paraguaia! Saiba a história dessa iguaria tão amada pelos sul-mato-grossenses que faz parte do cardápio da Casa de Vó
COVID-19
Saúde confirma mais 28 casos de coronavírus e Dourados chega a 180 pessoas com a doença
BANDEIRANTES
Homem morre esmagado por caminhonete após motorista se assustar com animais e capotar veículo
ALTA INCIDÊNCIA
Após terceira morte, Dourados notifica 70 suspeitas e confirma 22 casos de dengue
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dois meses após decreto de emergência, Dourados confirmou 127 casos de Covid-19
PANDEMIA
Número de pacientes internados por coronavírus em Dourados sobe 50% em 24h