Menu
Busca quinta, 15 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Brasil tem 13,8 milhões de trabalhadores na informalidade, revela IBGE

19 maio 2005 - 14h26

 Existem 13,8 milhões de trabalhadores brasileiros na informalidade. Eles são quase 25% do total da população ocupada no país e a maioria (60%) está na faixa dos 18 aos 39 anos de idade. Levantamento divulgado nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que, apesar de não terem salário fixo ou carteira assinada, 84% dos camelôs, taxistas, catadores de lixo, motoristas de vans e kombis e donos de pequenos negócios querem continuar na informalidade.A pesquisa, realizada em 2003, mostra que os homens passaram a trabalhar por conta própria para fugir do desemprego, enquanto as mulheres entraram para a informalidade para complementar renda.O comércio, os serviços de reparação e a construção civil são os preferidos dos informais. Mas são os camelôs que aparecem disputando espaços nas calçadas e vendendo todo o tipo de produto, inclusive alimentos, como é o caso de Alexander Jesus da Silva, de 26 anos. Eletricista desempregado e com o ensino médio concluído, ele resolveu armar uma mesinha de bar em uma calçada em Bangu, na zona oeste da cidade, e vender salada de fruta com sorvete. Segundo o jovem, o lucro chega a R$ 1.500,00 por mês, o suficiente para sustentar a mulher e duas filhas."Depois que fui demitido ficou muito difícil arrumar emprego com carteira assinada, mas como precisava trabalhar, minha mulher começou a fazer salada de fruta para eu vender na calçada. Aí passamos a colocar o sorvete e agora muita gente experimenta e acaba virando freguês", revelou Silva.Segundo a pesquisa do IBGE, de 1997 a 2003 o número de trabalhadores na informalidade cresceu 8% e o número de empresas no setor cresceu 9%. Em 2003, o setor faturou R$ 17,6 bilhões, montante inferior à cifra atingida seis anos atrás, de R$ 20,07 bilhões. Houve queda também nos lucros, mas assim mesmo 70% dos informais utilizaram parte dos lucros de exercícios anteriores para novos investimentos."O crescimento do setor, de certa forma, ajudou a diminuir a pressão sobre o mercado de trabalho formal, já que são menos 13,8 milhões de pessoas nas filas a procura de emprego. No entanto, a informalidade deixa o trabalhador sem proteção social, pois o número de trabalhadores por conta própria ou de pequenos empregadores que pagam a Previdência Social, é muito pequeno. Sem falar nos rendimentos que são mais baixos e na jornada de trabalho, que também é maior", explicou a economista do Instituto e responsável pela pesquisa, Amanda Duarte Mergulhão.A pesquisa foi realizada em cerca de 55 mil domicílios de todos os estados brasileiros.   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Desconhecido entra em empresa e furta notebook, mochila e materiais de escritório
DOURADOS
Desconhecido entra em empresa e furta notebook, mochila e materiais de escritório
Após denúncia, dupla é presa com drogas embaladas para a venda
REGIÃO
Após denúncia, dupla é presa com drogas embaladas para a venda
BENEFÍCIOS
UFGD abre mil vagas para Auxílio Alimentação e 800 para Bolsa Permanência
REGIÃO
Mulher cai de moto pilotada pelo filho e morre no hospital
Goiano preso com minhocas terá que pagar multa de quase meio milhão de reais
CRIME AMBIENTAL
Goiano preso com minhocas terá que pagar multa de quase meio milhão de reais
LEGISLATIVO DE MS
Cinco projetos estão previstos para a sessão ordinária desta quinta-feira
EDUCAÇÃO
Aprenda mais do Guarani na 5ª lição que traz os números, dias da semana e outros conteúdos
DOURADOS
Homem que atirou na cabeça da ex vai a júri popular por tentativa de feminicídio
CLIMA
Dourados se aproxima de um mês sem chuvas expressivas
AMEAÇA DE EXTINÇÃO
Após passar por MS, homem é preso com mudas raras que seriam vendidas na Bolívia

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Soldado da Polícia Militar é encontrado morto no interior de residência
CASA PRÓPRIA
Prefeitura abre recadastramento habitacional em Dourados
DOURADOS
Homem encontrado morto pode ter envolvimento em esquema de agiotagem internacional
DOURADOS
Polícia prende suspeito de tentar matar homem a tiros no Parque do Lago II