Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Brasil inova na coleta e distribuição de leite materno

13 fevereiro 2011 - 11h30

Criada em 1998, em uma parceria entre Ministério da Saúde e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a Rede Brasileira de Banco de Leite é referência mundial em atendimento.

Como estratégia isolada mais eficiente para a prevenção de mortes entre recém-nascidos, o aleitamento materno se tornou uma das políticas públicas mais importantes na área da saúde e levou o País a ser reconhecido internacionalmente por suas iniciativas.

Além de organizar o sistema de coleta e distribuição do produto, o País inovou ao desenvolver tecnologia que permite aproveitar as diferentes características e qualidades do leite materno para tratar crianças prematuras, acelerando o processo de recuperação dos bebês.

O procedimento é adotado em toda a estrutura de serviço, que possui 200 bancos de leite e 85 postos de coleta em todo o País.

Através do sistema chamado BLH-Web, é possível cruzar dados de doadoras e analisar as características do leite coletado. Assim, o produto fornecido às crianças é escolhido individualmente, de acordo com os nutrientes existentes e com as necessidades de cada bebê.

Diferentemente de outros países, onde as doações de leite materno são misturadas e padronizadas, a técnica brasileira identifica os produtos que têm mais gordura, acidez, proteína ou cálcio.

O método aumenta a qualidade do atendimento neonatal e auxilia o País no cumprimento das Metas do Milênio – compromissos a serem cumpridos pelas nações signatárias para melhorar a qualidade de vida da população.

O coordenador do Centro de Referência Nacional para Bancos de Leite, Franz Reis Novak, explica que a missão da Rede BLH é promover a saúde da mulher e da criança, através de parcerias com órgãos federais, estados, municípios e iniciativa privada.

“Atualmente, o impacto da RedeBLH é percebido quando nos certificarmos que 200 unidades são responsáveis pela alimentação de 170 mil recém-nascidos prematuros internados em diversas UTI neonatais.

Além disso, ela é capaz de atender cerca de 1,4 milhão de mulheres que estão amamentando”, diz Novak.

O resultado do investimento do Brasil em novas tecnologias e na conscientização sobre a importância do aleitamento materno pode ser visto através dos indicadores da área da saúde.

Segundo Censo de 2010, realizado pelo IBGE, a taxa de mortalidade infantil no País caiu de 69,12 para 22,47 óbitos por mil nascidos vivos entre 1980 e 2009.

Já a proporção das mortes ocorridas entre o primeiro mês e o primeiro ano de vida caiu de 59,30% para 32,70%, no período.

Além de fatores como saneamento básico e acompanhamento médico de gestantes e recém-nascidos, a amamentação dos bebês está entre os processos determinantes para a melhoria dos índices.

Em 2010, 119 mil litros de leite foram coletados pelo Banco de Leite Humano em todo território nacional. No sistema estão cadastradas 111 mil doadoras e 109 mil receptores.

Reconhecimento
Desde 1985, os bancos de leite humano integram a política brasileira de saúde pública para reduzir a mortalidade infantil e neonatal. Em 2001, a Rede Brasileira de Banco de Leite Humano foi considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) a que mais contribuiu para a redução da mortalidade infantil e promoção do aleitamento materno dentre todos os trabalhos desenvolvidos no mundo, durante a década de 90. A indicação fez do Brasil uma referência em aleitamento materno.

O trabalho desenvolvido serviu de exemplo para a rede Iberoamericana de Bancos de Leite Humano, composta por 22 países. Os mesmos procedimentos são adotados para garantir melhor atendimento a mães em fase de amamentação e crianças, especialmente as que estão abaixo do peso e precisam de cuidados especiais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RIBAS DO RIO PARDO
Detetive particular já condenado é preso por dirigir embriagado após acidente
JUDICIÁRIO
Justiça Federal absolve ex-presidente Temer de envolvimento em 'quadrilhão'
COXIM
Homem agride filho e nora de vereador, quebra viatura e danifica loja
SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
BRASIL
Bolsonaro veta prorrogação para entrega de declaração do Imposto de Renda
Dupla é presa arremessando vodca, uísque e carne para dentro de presídio
IMUNIZAÇÃO
Trabalhadores da educação, transporte e limpeza com 55 anos já podem se vacinar
CAPITAL
Técnica em enfermagem denuncia colega por falsificar declaração de vacina
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra mais 2.791 mortes por Covid; média móvel aponta estabilidade

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira