segunda, 08 de agosto de 2022
Dourados
22°max
17°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Brasil e EUA : Segurança de jogos será feita por 120 pessoas

16 setembro 2004 - 19h10

A segurança dos jogos de futebol de salão entre as Seleções do Brasil e dos Estados Unidos será feita por 120 pessoas, sendo 80 policiais militares e 40 seguranças particulares. As partidas serão realizadas no próximo fim de semana, nos dias 17 e 18, no Ginásio Guanandizão, em Campo Grande. A estimativa de público é de pelo menos seis mil pessoas por dia. Segundo informações da Polícia Militar, os policiais vão fazer revistas nas pessoas que forem assistir aos jogos.A medida visa evitar a entrada no ginásio de garrafa térmica, refrigerante e cerveja em lata, garrafas de plástico, apito, corneta, material de percussão, fogos de artifício, bandeira com mastro (apenas a bandeira serão autorizadas), enfim, qualquer material que possa causar prejuízos ao espetáculo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

Varíola dos macacos: entidades criticam estigma a homossexuais

Homem é espancado em construção abandonada na Capital
POLÍCIA

Homem é espancado em construção abandonada na Capital

GERAL

Justiça nega 'habeas corpus' pedido pela defesa do cônsul alemão

Ladrões invadem empresa e furtam óleo diesel
REGIÃO

Ladrões invadem empresa e furtam óleo diesel

CULTURA

Academia Brasileira de Letras reabre bibliotecas para o público

CAPITAL

Mulher capota veículo e é socorrida pelo Corpo de Bombeiros

DIREITOS HUMANOS

Lei Maria da Penha completa 16 anos neste domingo

POLÍCIA

Foragido da justiça é preso em abordagem na fronteira

POLÍTICA

Eleições 2022 mantém maioria do eleitorado feminina, com 53%

POLÍCIA

Boca de fumo é fechada e traficante preso na fronteira

Mais Lidas

LUTO

Conselho de Agronomia lamenta morte de jovem agrônoma em acidente

Adolescente fica gravemente ferido após caminhonete capotar na MS-141

SUSPEITO FOI PRESO

Casal de idosos é assassinado em residência no centro de Coxim

REGIÃO

Corpo de idoso é encontrado carbonizado em residência destruída por incêndio