Menu
Busca terça, 24 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
BRASIL

Bolsonaro extigue prisão disciplinar para PMs e bombeiros

27 dezembro 2019 - 10h50Por Agência Brasil

Publicado hoje (27), no Diário Oficial da União, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 148/2015, sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, que extingue a pena de prisão disciplinar para as polícias militares (PM) e os corpos de bombeiros militares dos estados, territórios e do Distrito Federal.

A norma altera o Artigo 18 do Decreto-Lei nº 667, de 2 de julho de 1969, e determina que essas corporações sejam regidas por um Código de Ética e Disciplina, aprovado por lei estadual específica. "As polícias militares e os corpos de bombeiros militares serão regidos por Código de Ética e Disciplina, aprovado por lei estadual ou federal para o Distrito Federal, específica, que tem por finalidade definir, especificar e classificar as transgressões disciplinares e estabelecer normas relativas a sanções disciplinares, conceitos, recursos, recompensas, bem como regulamentar o processo administrativo disciplinar e o funcionamento do Conselho de Ética e Disciplina Militares".

Ainda de acordo com a lei, nesses casos deverão ser observados princípios como dignidade da pessoa humana, legalidade, presunção de inocência, devido processo legal, contraditório e ampla defesa, razoabilidade e proporcionalidade, vedação de medida privativa e restritiva de liberdade.

Pela norma, os estados e o Distrito Federal têm prazo de 12 meses para regulamentar a implementar a lei.

Em nota, o Palácio do Planalto destaca que, segundo os autores da proposta - os deputados federais Subtenente Gonzaga(PDT-MG) e Jorginho Mello (PL-SC) - "a valorização dos policiais e bombeiros militares passa necessariamente pela atualização dos seus regulamentos disciplinares, à luz da constituição cidadã de 1988, impondo, por consequência, sua definição em lei estadual específica, com fim da pena de prisão para punições de faltas disciplinares, o devido processo legal, o direito à ampla defesa, ao contraditório e o respeito aos direitos humanos".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Imam de Dourados disponibiliza plataforma com cursos online nesta quinta
MEIO AMBIENTE
Imam de Dourados disponibiliza plataforma com cursos online nesta quinta
BEBIDA ALCOÓLICA
Homem esfaqueia esposa em cidade de MS após briga por quatro reais
Câmara de Dourados institui locais para realização de atividades físicas
ESSENCIAL
Câmara de Dourados institui locais para realização de atividades físicas
Arrecadação federal soma R$ 153,9 bilhões durante o mês de outubro
BRASIL
Arrecadação federal soma R$ 153,9 bilhões durante o mês de outubro
Jovens são flagrados com maconha e crack durante abordagem policial
REGIÃO
Jovens são flagrados com maconha e crack durante abordagem policial
ECONOMIA
Caixa credita auxílio, dos ciclos 3 e 4, para os nascidos em junho
PANDEMIA 
Adultos jovens são a maioria dos novos casos de coronavírus no MS
PESQUISA CNT
Pesquisa revela melhora na sinalização de rodovias no Brasil
POLÍCIA
Caminhonete furtada em Bonito é recuperada em oficina na Capital
ATIVISMO
Campanha debate violência contra mulheres em meio a aumento de casos em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Carro invade parque no final da Avenida Marcelino Pires, cai em valeta e pega fogo
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Homem ameaça ex com faca e apanha de vizinhos em Dourados
DOURADOS
Homem é preso após tentar atropelar policiais em abordagem na BR-163 
DOURADOS
Mulher é presa após atear fogo na casa do ex-marido, cadeirante