Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
BRASIL

Aumento para servidor deve constar da LDO e da Lei Orçamentária Anual

30 novembro 2019 - 12h16Por Agência Brasil

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (29) que o aumento dos salários de servidores públicos deve estar previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e na Lei Orçamentária Anual (LOA), simultaneamente, para ser concedido. A decisão foi tomada por meio de julgamento virtual, que foi finalizado às 0h.

Embora não seja obrigatório e dependa da arrecadação de recursos, o aumento anual foi previsto no Artigo 37, Inciso X, da Constituição.

Com a decisão, foi definida uma tese de repercussão geral, que terá validade para todos os processos que estão em tramitação em todo o país sobre a mesma questão. 

Por 6 votos a 4, a maioria dos ministros seguiu entendimento do relator, Alexandre de Moraes, e definiu a seguinte tese: "A revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos depende, cumulativamente, de dotação na Lei Orçamentária Anual e de previsão na Lei de Diretrizes Orçamentárias". 

O caso julgado envolveu o estado de Roraima, que foi condenado pelo Judiciário local, em 2003,  a conceder aumento de 5% aos servidores porque o reajuste estava previsto na LDO. No entanto, o aumento não estava previsto na LOA.

O processo julgado foi o recurso extraordinário (RE) 905.357

Deixe seu Comentário

Leia Também

NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil registra mais 620 mortes por Covid-19 e total chega a 170.799
Cinco ficam feridos e bebê de um mês morre após carro colidir em coqueiro
BONITO
Cinco ficam feridos e bebê de um mês morre após carro colidir em coqueiro
JUDICIÁRIO
Prisão domiciliar de Fabrício Queiroz será julgada pela 2ª Turma do STF
OAB avalia suspender advogado que pagava para estuprar garotas
ANASTÁCIO
OAB avalia suspender advogado que pagava para estuprar garotas
EDUCAÇÃO
UFGD sediará um dos maiores eventos do agronegócio brasileiro
PARANAÍBA
Idoso acusado de estuprar adolescentes morre antes de ser julgado
JUSTIÇA
Casal será indenizado por não ter passagens emitidas por agência de viagem
IMBRÓGLIO
TRF-3 manda UFGD encaminhar lista tríplice ao MEC
CAPITAL
Filho de massagista ajudou a esquartejar chargista e levou corpo
REGIÃO
PM captura três foragidos da justiça durante rondas em Bataguassu

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
ENTERPRISE
Operação contra tráfico internacional de cocaína cumpre mandado de prisão em Dourados
CAPITAL
Funcionária de restaurante é presa em flagrante após furtar dinheiro do caixa
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia