Menu
Busca sábado, 28 de março de 2020
(67) 9860-3221

Aromaterapia é eficaz para tratar as infecções mais comuns do verão

05 fevereiro 2013 - 19h20

Verão é tempo de férias, tranquilidade e liberdade. Com menos compromissos na agenda, divertir-se é mais fácil e mais gostoso. Mas é preciso ter cuidado para que alguns probleminhas típicos da estação não estraguem o momento. É o caso das infecções, que podem ser causadas por vírus ou bactérias. No verão, fica-se exposto a mais umidade – seja porque o tempo é mais úmido, seja porque são frequentes as idas às praias e piscinas – e isso favorece o aumento do problema.

Alguns cuidados básicos, como não ficar com o maiô ou o biquíni molhado o dia todo, podem ajudar a prevenir os problemas. Mas, às vezes eles são inevitáveis. Para ajudar a tratar algumas infecções é possível recorrer à ajuda da Aromaterapia. “Óleos Essenciais, os principais produtos dessa ciência chamada de Aromaterapia, são as substâncias extraídas das plantasque podem ser usadas com fins terapêuticos”, explica aromaterapeuta e aromatóloga Sâmia Maluf, diretora da By Samia Aromaterapia. “A Aromaterapia é uma ciência que estuda os aromas e usa os óleos essenciais e vegetais puros para ajudar a resolver alguns problemas de maneira mais natural”, completa.

A seguir, Sâmia indica como usar óleos essenciais para tratar algumas infecções freqüentes do verão:

Micose – Causada por fungos – que se proliferam mais rapidamente em ambientes úmidos e quentes –, atinge unhas e a pele. Quando são superficiais, alimentam-se da queratina, substância existente em ambos os casos. O contágio pode acontecer em piscinas, banheiros coletivos ou vestiários. Para tratar das micoses em casa, basta pingar uma gota de Óleo Essencial de Tea Tree By Samia Aromaterapia – um poderoso antibactericida – em cada unha. Depois, massageie suavemente. Para a assepsia dos pés, pingue uma gota do mesmo óleo em uma bolinha de algodão e massageie os pés.

Cistite – Infecção na bexiga, muito comum em mulheres, principalmente entre 20 e 50 anos, além de idosas. Os sintomas incluem pressão na parte baixa da bacia, dor ao urinar, necessidade frequente de fazê-lo e alterações no aspecto da urina (cor / odor). “Mais de 85% dos casos de cistite são causados por Escherichia coli, uma bactéria do trato intestinal inferior”, informa Sâmia. Para prevenir o problema, ela indica beber muita água e ter sempre a bexiga esvaziada. Mas, se a cistite chegar, a aromaterapeuta recomenda fazer banhos de assento com Óleo Essencial de Tomilho, que tem propriedades antibacterianas e diuréticas. “Encha com água morna uma bacia grande o suficiente para sentar-se com a parte inferior do corpo ao nível do quadril. Adicione 5 a 7 gotas de óleo essencial. Sente-se e permaneça por 10 a 15 minutos. Repita o banho duas ou três vezes por dia”, ensina. Sâmia diz ainda que os óleos de Bergamota – um importante antisséptico –, Lavanda – com propriedades cicatrizantes – ou Tea Tree também podem ser usados nestes casos. “Faça uma sinergia de 10 ml usando 50 gotas de Bergamota, 50 gotas de Lavanda, 150 gotas de Tea Tree e 50 gotas de Tomilho. Depois, é só etiquetar, para identificar sua finalidade, e usar em banhos ou fricções”.

Herpes – Pode ser causada por dois tipos diferentes de vírus. “O tipo 1 causa erupções e feridas ao redor da boca, especialmente quando a imunidade está mais baixa ou quando a pessoa está passando por um forte estresse”, explica a aromaterapeuta. Mas, a boa notícia é que o uso de óleos essenciais pode ajudar muito. “Se você usar um pouco de Tea Tree na primeira aparição da herpes labial (geralmente um formigueiro), é possível chegar à remissão completa da infecção”, diz. Já o vírus tipo 2 é transmitido por contato sexual e causa úlceras e feridas genitais. Para aliviar o desconforto da herpes genital, Sâmia indica, duas vezes ao dia, um banho de assento feito com água morna e uma sinergia especial, à base de Óleo Vegetal de Jojoba By Samia Aromaterapia, que tem vida útil indefinida e que, por isso, pode ser usado até que termine. Para cada 10 ml de óleo de jojoba, coloque de 4 a 10 gotas de óleo essencial. “Pode ser de Tea Tree; Lavanda; Ho Leaf, diurético e analgésico; Mirra, que é antisséptica; Palmarosa, cicatrizante; ou Camomila Romana, que regenera as células”, afirma Sâmia. Para pequenos pontos, ela recomenda a aplicação com a ajuda de hastes flexíveis.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTADO
Estiagem e baixa umidade do ar devem predominar nos próximos meses
LAGUNA CARAPÃ
Veículo é apreendido seguindo para Santa Catarina com 70 kg de maconha
COVID-19
Alerta constante pode causar transtornos a profissionais de saúde
COSTA RICA
Bebê de dois meses cai de rede e sofre traumatismo craniano
Saúde e Bem-estar
5 motivos para você doar sangue
AQUIDAUANA
Quatro homens são autuados em R$ 10,4 mil por pesca predatória em MS
BELEZA E ESTÉTICA
6 dicas de como cuidar das unhas e fazer o esmalte durar mais
BRASIL
Governo lançará linha de antecipação de pagamento a fornecedores
ESTADO
Teletrabalho mobiliza servidores da SAD para cumprimento de metas anuais
DOURADOS
Estado avisou sobre contato entre douradense e morador da Capital com Covid-19

Mais Lidas

COVID-19
Saúde confirma coronavírus para mulher internada em Dourados e casos chegam a 28 em MS
PANDEMIA
Bebê de três meses é novo caso confirmado de coronavírus em MS
DOURADOS
Sindicato emite nota e diz que empregados foram obrigados a participar de ato
BATAYPORÃ
Paciente com suspeita de coronavírus é internada em estado grave em Dourados