Menu
Busca sábado, 17 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Alckmin diz que Brasil vive momento de mesmice e stagnação

28 maio 2005 - 16h52

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse hoje em São José do Rio Preto (440 km a noroeste de São Paulo) que o Brasil vive um momento de "estagnação e mesmice".
 A declaração foi dada durante a inauguração de uma Fatec (Faculdade de Tecnologia) na cidade. O prédio inaugurado pelo tucano durante a manhã havia sido assaltado horas antes. "Acho que nós vivemos um momento difícil.
Há uma dificuldade, as coisas não andam. Vivemos uma grande mesmice", afirmou, ao ser questionado sobre o cenário político nacional, sobretudo quanto à instalação da CPI dos Correios.
Alckmin apoiou a criação da CPI e declarou que espera que não haja nenhum tipo de interferência de lideranças do governo federal no processo. "A nossa confiança é que esse trabalho [a instalação da CPI] se faça com isenção, sem operação abafa."

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Bolsonaro confirma que passará por nova cirurgia para corrigir hérnia
CAPITAL
Morre condutor de moto que sofreu acidente com namorada na BR-163
MS recebe neste sábado 338.130 medicamentos do 'kit intubação'
COVID-19
MS recebe neste sábado 338.130 medicamentos do 'kit intubação'
Foragido, sul-mato-grossense é preso com R$ 5 milhões em drogas
PARANÁ
Foragido, sul-mato-grossense é preso com R$ 5 milhões em drogas
SÃO PAULO
Parlamentares invadem Hospital em meio à pandemia de Covid-19
CAPITAL
Homem executado com 60 tiros já foi acusado de homicídio e tentativa
IMUNIZANTE
Azambuja assina carta dos governadores à ONU por mais vacinas
FRONTEIRA
Polícia 'estoura' lava jato que estocava cocaína para facções criminosas
GERAL
Emissão de Certidões Negativas segue disponível no Portal do TJMS
CAPITAL
Passageira de moto morre após veículo colidir com carro em viaduto

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista é preso após passar 'fumando um baseado' ao lado de viatura
CRIME AMBIENTAL
Goiano preso com minhocas terá que pagar multa de quase meio milhão de reais
AMEAÇA DE EXTINÇÃO
Após passar por MS, homem é preso com mudas raras que seriam vendidas na Bolívia
DOURADOS
Funsaud oficializa saída de diretor médico da UPA após denúncia de escala sem plantonista