Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
(67) 99257-3397

BNDES e Petrobras irão a Argentina acertar gasoduto

16 setembro 2004 - 16h54

Os presidentes do BNDES, Carlos Lessa, e da Petrobras, José Eduardo Dutra, viajam à Argentina nesta quinta-feira para acertar os termos de financiamento para obras de ampliação de um gasoduto entre a Patagônia e Buenos Aires, segundo fonte a par das negociações. Lessa e Dutra vão se reunir na manhã de sexta-feira com o ministro da Economia da Argentina, Roberto Lavagna, para tratar do assunto. Na semana passada, o ministro argentino veio ao Brasil para acelerar o projeto, que se arrasta há vários anos. A obra de ampliação do gasoduto, que leva gás natural da bacia Austral até Buenos Aires, será feita pela Petrobras com financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em valor estimado pelo mercado em US$ 200 milhões. Para emprestar os fundos necessários, o BNDES exige que os materiais empregados sejam fornecidos por empresas brasileiras, segundo determinam as regras do banco. "As regras são claras, o banco não financia empresas estrangeiras, só nacionais, dentro do seu plano de incremento de exportação de bens e serviços brasileiros", afirmou um porta-voz do BNDES. O diretor de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, informou que a empresa já tinha planos de ampliar o gasoduto operado pela Transportadora de Gás do Sul (TGS), onde a estatal brasileira adquiriu participação com a compra da empresa argentina Perez Companc, hoje Petrobras Energia. Costa disse que ainda não há definição do valor da obra e o primeiro passo será avaliar se o aumento de capacidade será feita pela instalação de equipamentos de compressão, como é eficaz em alguns casos, ou se será necessário construir "loopings", que são pequenos trechos de gasoduto paralelos ao gasoduto já existente. "Pode ser que seja ampliado por 'loopings' até que se tenha um novo gasoduto, mas o que está se olhando primeiro é a capacidade de compressão", explicou.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Casal suspeito de roubo de carros é cercado e homem queimado vivo
SELIC
Copom eleva taxa básica de juros de 2,75% para 3,5% ao ano
Homem incendeia 48 hectares e é autuado e multado em quase R$ 50 mil
CRIME AMBIENTAL
Homem incendeia 48 hectares e é autuado e multado em quase R$ 50 mil
Em dia com 10 mortes, Dourados continua com fila de espera em leitos UTI Covid
PANDEMIA
Em dia com 10 mortes, Dourados continua com fila de espera em leitos UTI Covid
Ex-prefeito de Campo Grande é preso por corrupção e lavagem de dinheiro
JUSTIÇA
Ex-prefeito de Campo Grande é preso por corrupção e lavagem de dinheiro
FUTEBOL
DAC vence Operário de virada no Douradão e embola briga pelo título Estadual
DOURADOS
Mulheres vítimas de violência doméstica terão prioridade nos programas habitacionais do município
INFRAESTRUTURA
Novos investimentos serão anunciados em Dourados, diz Sérgio Murilo
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda no dia de decisão sobre taxa básica de juros
ASSEMBLEIA
Deputado testa positivo para Covid e tem 50% do pulmões comprometidos

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira