Menu
Busca sexta, 30 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Banco Central compra dólares, e cotação sobe

07 dezembro 2004 - 14h34

O Banco Central anunciou nesta manhã a realização de mais um leilão de compra de dólares no mercado, pelo segundo dia consecutivo. Em comunicado ao mercado, o BC informou que o lote mínimo é de US$ 1 milhão de dólares. Após o anúncio, a moeda, que operava em queda (chegou a cair 0,25%, vendido a R$ 2,712), reagiu. O dólar comercial fechou a primeira etapa dos negócios na máxima, com valorização de 0,92%, cotado a R$ 2,741 para compra e R$ 2,743 para venda. A compra O lote mínimo comprado pelo BC foi de US$ 1 milhão. Segundo operadores, a cotação foi de R$ 2,722. No leilão de segunda-feira, o BC, segundo operadores, pagou menos: foram R$ 2,715 por dólar. O dólar comercial abriu nesta terça-feira cotado a R$ 2,712 para a compra e R$ 2,714 para a venda, uma queda de 0,18% em relação ao fechamento de ontem. Na segunda-feira, o Banco Central também comprou um lote mínimo de US$ 1 milhão no mercado, o que impediu que a divisa norte-americana fosse vendida a menos de R$ 2,70. Ela fechou cotada a R$ 2,718 para a venda, uma alta de 0,37%. O presidente do BC, Henrique Meirelles, disse ontem que não houve intervenção da instituição no mercado, e sim uma operação de comprar para aumentar as reservas em moeda dos EUA. "O governo brasileiro, juntamente com o BC, tem o objetivo de recomposição gradual de reservas". O executivo negou que haja uma meta de cotação para a moeda norte-americana: "A única meta é a de inflação". O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, disse na noite de ontem que "não há teto" para o dólar. Por sua vez, o ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan, afirmou que o ideal é o dólar sendo negociado na casa dos R$ 3. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Trio que era especializado em vender drogas para universitários é preso na fronteira
MS
Trio que era especializado em vender drogas para universitários é preso na fronteira
IMUNIZAÇÃO
Butantan entrega 1,2 milhão de doses da CoronaVac ao governo federal
Juiz nega liberdade provisória para motorista que matou adolescente atropelado
DOURADOS
Juiz nega liberdade provisória para motorista que matou adolescente atropelado
TESTAGEM EM MASSA
Impacto da vacinação na fronteira apresenta 63% de queda de casos de Covid-19 em MS
Dourados fecha semestre com saldo de quase 2,6 mil novas vagas de empregos
CAGED
Dourados fecha semestre com saldo de quase 2,6 mil novas vagas de empregos
NEGÓCIOS E CIA
Seja um empreendedor de sucesso na internet com as técnicas do MSD; Conheça aqui
DOURADOS
Prefeitura pagará R$ 1,3 milhão por leitos de UTI utilizados por pacientes com Covid
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 38 milhões amanhã
DOURADOS
'Free fire', café e coberta; jovens se viram como pode na fila do 'rolezinho da vacina'
PANDEMIA
MS se aproxima de 2,3 milhões de doses de vacina aplicadas contra o coronavírus

Mais Lidas

ACIDENTE DOMÉSTICO
Após discussão com entregador jovem acaba ferido
PEDRO JUAN
'Justiceiros' voltam a atacar na fronteira e matam adolescente
DOURADOS
Motorista que fugiu após atropelar motociclista no centro não possuía CNH
CLIMA
Dourados bate recorde de frio no ano com geada forte