Menu
Busca domingo, 25 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
CAPITAL

Avó de menino torturado em ritual é condenada a 16 anos de prisão

Avó de menino torturado em ritual é condenada a 16 anos de prisão

09 janeiro 2018 - 16h35Por Da redação

A avó do menino de quatro anos que foi torturado em rituais de magia foi condenada a 16 anos de prisão.  O processo foi julgado em segredo de justiça pela 7ª Vara Criminal de Competência Especial de Campo Grande e o resultado divulgado no Diário de Justiça desta terça-feira (9), de acordo com o Campo Grande News.

Após o Conselho Tutelar constatar queimaduras e marcas de espancamento no corpo do garoto, o caso foi descoberto, em fevereiro do ano passado.

A denúncia feita pelo MPE (Ministério Público Estadual) foi aceita parcialmente. A mulher foi absolvida de duas acusações  durante o julgamento e condenada por tortura, agravada pelo crime ser contra criança; associação criminosa e também por fornecer bebida alcoólica a menores de idade. 

Foi designada a ela uma pena de 16 anos quatro meses de detenção e o pagamento de 16 dias-multa em regime fechado.

Ainda conforme o Campo Grande News, além da avó adotiva, foram apontados como autores do crime os tios e o primo do menino. 

O trio foi condenado pela 7ª Vara Criminal, a penas que variam de 15 anos a 18 anos, todas começando em regime fechado.

A tia do garoto foi condenada a 18 anos, seis meses e 20 dias de reclusão. Já o marido dela teve sentença de 17 anos, cinco meses e 10 dias de prisão. O primo da vítima, que tem 18 anos, terá que cumprir pena de 15 anos, dois meses e 20 dias de reclusão.

O crime

Narra a denúncia que os indivíduos submeteram a vítima de apenas 4 anos de idade a intenso sofrimento físico e mental, amarrando-a e deixando-a sem comer, dando tapas, socos, golpes com cabo de vassoura, arranhões (produzidos pelas unhas) pelo corpo, arrancando a unha de um dos pés, bem como "banho" de água fervente, queimaduras com charutos e produto químico, como forma de castigo e também para oferecê-lo como sacrifício para rituais de magia negra.

O crime teria sido cometido por motivo torpe, mas também porque as torturas persistiam com o intuito de submetê-lo a sacrifício espiritual, por adoração a determinado deus.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Homem é autuado por pesca ilegal e tem petrechos de pesca apreendidos
CONDENADO POR CRIMES SEXUAIS
João de Deus vai para UTI após ser transferido para hospital em Brasília
BRASIL
Pandemia aumenta busca por profissionais autônomos e freelancers no país; veja serviços com maior demanda
MS
Recursos do FCO em indústria geram empregos e renda em Anaurilândia
OPORTUNIDADE
Inscrições de concurso de Câmara com 8 vagas terminam hoje
MUNDO
Lewis Hamilton vence e se torna recordista absoluto de vitórias na Fórmula 1
24 HORAS
MS registra 302 novos casos de coronavírus e cinco óbitos
REGIÃO
PM prende autores por furto, receptação e tráfico
PANDEMIA
Dourados tem 445 casos ativos de coronavírus
Astronomia: estudante vende empadas para comprar telescópio

Mais Lidas

DOURADOS
Acusado de matar mulher por asfixia no Canaã I é preso no Piratininga
TRÂNSITO
Moto invade preferencial, é atingida por caminhonete e dois ficam feridos na Marcelino
DOURADOS
PM é acionada e consegue evitar suicídio de homem em hotel
DOURADOS
Homem invade casa, tenta estuprar jovem e é detido por populares