Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397

Australiano dado como morto é resgatado no Everest

28 maio 2006 - 08h27

Dado como morto no dia 25 de maio, quando descia o Everest, o montanhista australiano Lincoln Hall foi resgatado com vida por 11 alpinistas neste domingo e se encontra no acampamento-base. De acordo com informações do site MountEverest.net, ele está consciente, mas com sintomas de congelamento.As primeiras notícias davam conta de que o montanhista teria morrido de edema cerebral, originado pelas dificuldades da altitude, quando se encontrava a 8.700 metros. Como os "sherpas" (guias nepaleses) que o acompanhavam receberam a ordem de descer imediatamente, Hill passou a noite inteira sozinho e a esperança de encontrá-lo com vida era praticamente nula.Em uma operação que durou cerca de 12 horas, o australiano foi encontrado com vida na manhã seguinte. Hill conseguiu falar com sua família neste domingo e contou que os dedos de suas mãos mostravam graves sintomas de congelamento.O caso de Hill é o último de uma temporada especialmente macabra para o montanhismo no Everest. Em cinco meses, morreram pelo menos dez alpinistas, entre eles o brasileiro Vitor Negrete. O número é próximo do recorde de 1996, quando foram registrados 12 falecimentos.O caso mais polêmico foi o do britânico David Sharp. Segundo as denúncias, cerca de 40 montanhistas passaram por ele quando agonizava, e ninguém se ofereceu para ajudar. O alto número de acidentes este ano é atribuído ao mau tempo no mês de maio, normalmente o mais propício para as escaladas.O MountEverest.net também critica a negligência dos serviços de resgate chineses e a falta de informação sobre acidentes ocorridos na face norte. Por causa das críticas, o site foi censurado em território chinês.Segundo as últimas estatísticas, desde 1953 o Everest (chamado de Chomolungma, ou "Deusa mãe do mundo", em tibetano, e de Sagarmatha, "Cabeça que toca o céu", em nepalês) foi escalado por 2.557 pessoas, quase a metade delas nos últimos cinco anos.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL: Mortes por covid-19 somam 487,4 mil e casos chegam a 17,4 milhões
PANDEMIA
BRASIL: Mortes por covid-19 somam 487,4 mil e casos chegam a 17,4 milhões
Athletico Paranaense ganha do Grêmio em Porto Alegre e segue 100%
ESPORTE
Athletico Paranaense ganha do Grêmio em Porto Alegre e segue 100%
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
INTERNACIONAL
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Com 52% dos votos, Vanda Camilo é eleita prefeita de Sidrolândia
ELEIÇÃO SUPLEMENTAR
Com 52% dos votos, Vanda Camilo é eleita prefeita de Sidrolândia
Judô: Brasil bate Rússia e fatura o bronze por equipes no Mundial
ESPORTE
Judô: Brasil bate Rússia e fatura o bronze por equipes no Mundial
ESPORTE
Brasil fecha o Pan de ginástica de trampolim com mais dois ouros
LEITOS UTI COVID
Covid-19: Dourados transfere mais 2 pacientes para SP
CAMPO GRANDE
Pelo segundo ano consecutivo, bolo de 'santo casamenteiro' é vendido em pote e por drive-thru
COVID-19
Fila por leitos de UTI Covid volta a crescer em Dourados
PESQUISA
Primeira infância: família de classe D sofre mais impacto na pandemia

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados