Menu
Busca quinta, 29 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Atlético (PR) reforça segurança no clássico contra o Paraná

15 outubro 2004 - 23h00

Preocupado com a punição dada ao Santos, que perdeu mando de campo por causa de objetos atirados no gramado da Vila Belmiro, a diretoria do Clube Atlético Paranaense está agindo para que nada semelhante ocorra no clássico deste domingo, contra o Paraná, na Arena da Baixada. Para isso, o clube aumentou o efetivo de segurança no estádio de seguranças particulares e policiais militares, e terá no dia da partida 550 homens trabalhando na Arena. Além disso, o time rubro-negro segue fazendo campanhas de conscientização do torcedor, pedindo aos torcedores que não atirem objetos no gramado, por meio de faixas e avisos sonoros no estádio. Para o clássico de domingo, já haviam sido vendidos cerca de 9.500 ingressos até a noite de hoje.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
FRONTEIRA
Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
BRASIL
Após reação do STF, Bolsonaro defende ações do governo na pandemia
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
ÁGUA CLARA
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
EMPREGO
Governo convoca candidatos aprovados em quatro processos seletivos
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
APARECIDA DO TABOADO
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
MÚSICO PRESO
Gilmar Mendes rejeita liberdade para DJ Ivis, indiciado por agredir a ex
Oito pessoas da mesma família são presas em operação contra o PCC
ASTRONOMIA
Chuvas de meteoros podem ser avistadas nas próximas madrugadas
AQUIDAUANA
Caçadores são presos e multados por caça e abate de porcos silvestres 
ELEIÇÕES
Discurso de fraude é de quem não aceita a democracia, diz ministro do STF

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente no Centro deixa motociclista com fratura na perna e motorista foge
DOURADOS
Drogas e submetralhadora são apreendidos no Idelfonso Pedroso
FRONTEIRA
Casal é executado por "justiceiros" enquanto comemorava aniversário
DOURADOS
Justiça converte em preventiva prisão de jovem que matou adolescente atropelado