Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Árbitro douradense é convocado para trabalhar em jogo da LBF

26 janeiro 2011 - 15h36

A cidade de Dourados nos últimos dias vem se destacando em revelar jogadores de futebol profissional, de salão e em esportes individuais como a natação para os clubes grandes tanto dentro do país e como para a Europa, no entanto, nos últimos anos, uma das áreas esportivas que vem se destacando é na arbitragem, com muitos douradenses tendo atuações elogiadas no futebol de campo, salão e agora no basketball profissional categoria feminina.
De acordo com informações da CBB (Confederação Brasileira de Basquetball) que tem sua sede no Rio de Janeiro, o jogo entre o São Caetano/Unip e Santo André/Semasa que pela última rodada da fase classificatória da LBF (Liga de Basquete Feminino), o árbitro central será o internacional paulista Sérgio Pranchevicius enquanto os seus assistentes serão Maurício Serour do Rio de Janeiro e o douradense Ricardo Piccoli, que estará representando o Mato Grosso do Sul.
O clássico da região do ABC paulista marcado para acontecer às 18 horas no ginásio de esportes Armando Lima e Silva, o “Corujeira”, é esperando com grande expectativa por parte das duas torcidas devido à grande rivalidade entre as duas cidades que integram a liga nacional de basquetball brasileiro.
O DOURADENSE
Desconhecido para os douradenses, Ricardo Piccoli (na foto) em contato com a reportagem disse que iniciou a carreira em 2003 na arbitragem estadual, posteriormente entrou para a Liga Nacional em 2007 e desde então passou a ter constante presença em grandes jogos que foram realizados em diversos estados, a maioria deles em São Paulo e no Rio de Janeiro.
Demonstrando muita humildade, o árbitro douradense disse que ao trabalhar neste próximo sábado no ginásio do São Caetano estará assim comemorando a sua 7ª convocação pela Liga de Basquete Feminino, e que para este confronto que vai ganhar grande destaque na imprensa nacional devido à rivalidade entre as duas equipes, ele se preparou muito bem e espera por uma boa atuação.
Filiado a FBMS (Federação de Basquetball de Mato Grosso do Sul), Ricardo Piccoli diz que se sente feliz por estar ligado ao quadro nacional de árbitros, e que espera um dia estar atuando em uma competição internacional. “Vou embarcar às 3h30 da madrugada deste sábado para São Paulo e lá vou me concentrar muito bem e espero corresponder com minha atuação, à lembrança que a Comissão de Árbitros da CBB através da LBF teve para com minha pessoa para atuar em um clássico tão importante como este que será realizado em São Caetano. Por ser um clássico envolvendo duas das maiores cidades da Grande São Paulo, acredito que haverá casa cheia, e isso o estimula a atuar com muita concentração”, disse Ricardo Piccoli feliz por estar filiado ao quadro de árbitros da CBB (Confederação Brasileira de Basquetball).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORUMBÁ
Após assaltar papelaria, ladrão tenta fugir para mata e invade residência
Diretora do Conselho de Farmácia alerta para uso irracional de medicamentos
SAÚDE
Diretora do Conselho de Farmácia alerta para uso irracional de medicamentos
Polícia do Paraguai apreende cocaína escondida em chifre ornamental
GOVERNO BOLSONARO
Ocupação irregular na Amazônia cresceu 56% em dois anos, diz instituto
ANTÔNIO JOÃO
Homem é preso por tentar matar adolescente de 17 anos a tiros
REGIÃO
Inscrições para processo seletivo de estágio em Angélica são prorrogadas
BATAGUASSU
Mulher pediu medida protetiva quatro dias antes de ser morta pelo ex
EMPREGO
Exército Brasileiro abre concursos para 170 vagas de nível superior
CORUMBÁ
Com veículo de locadora, homem tenta ir para a Bolívia visitar o irmão
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil se aproxima de 437 mil mortes por Covid, com 1.039 nas últimas 24 horas

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS