Menu
Busca quarta, 12 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Ambientalistas querem prazo para ativação do lixão

10 dezembro 2003 - 13h06

A entidade ambientalista Salvar quer que o juiz Zaloar Murat, que preside hoje à tarde audiência pública de conciliação para decidir sobre o “lixão”, estabeleça prazos para a Prefeitura de Dourados realizar o processo licitatório e ativar o aterro sanitário municipal, que será construído em área já adquirida na região do Porto Cambira. “Em 30 dias é possível concluir o processo licitatório e em  120 dias é possível ativar a primeira célula para recebimento de lixo”, avaliou hoje o arquiteto Luiz Carlos Ribeiro, que pertence à entidade e já dirigiu a Fundação Iplan(Instituto Municipal de Planejamento e Meio Ambiente).A audiência acontece às 16 horas no anfiteatro do Fórum de Dourados. (Rozembergue Marques) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA COM MS
Fazendas de traficante no Paraguai são confiscadas
BRASIL
Bolsonaro faz declaração à imprensa acompanhado de Maia e Alcolumbre
CAMPO GRANDE
Após negociar por 12 horas, Bope invade casa e resgata homem ferido
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil tem 1.164 vítimas da Covid nas últimas 24 horas e passa de 104 mil
SIG
Polícia prende receptador e recupera motocicleta furtada em Dourados
REAJUSTE
Petrobras eleva preço da gasolina em 4% e do diesel em 2%
MIRANDA
Cinco veículos são recuperados em menos de 24h em posto policial
JUSTIÇA
TJ/MS volta a realizar Mutirão do DPVAT com medidas de biossegurança
REGIÃO
PMA de Dourados multa empresa sucroenergética em R$ 186 mil
LEGISLATIVO
Câmara aprova projeto que fomenta o uso da energia solar em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Suspeito de atropelar motociclista durante racha na BR-163 se apresenta à polícia
DOURADOS
Amigos vão procurar homem e encontram corpo em avançado estado de decomposição
DOURADOS
Motociclista é atingido por veículo que praticava "racha' e tem fratura exposta
CORGUINHO
Jovem morre após sofrer acidente durante passeio de moto com amigos