sexta, 23 de fevereiro de 2024
Dourados
24ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
DOURADOS

Alunos do campo são medalhistas na Olimpíada Brasileira de Astronomia

Alunos do campo são medalhistas na Olimpíada Brasileira de Astronomia

10 dezembro 2017 - 09h45Por Assessoria

Duas escolas de Dourados competiram pela Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica com mais de 7 mil escolas em todo Brasil e vão receber esta semana as medalhas de ouro, prata e bronze por terem sido destaque na prova do dia 19 de maio.

Segundo a coordenadora das Escolas do Campo, Angelita Barros, nesta segunda-feira (11) a escola municipal Fazenda Miya – Polo, e na quarta-feira (13), a escola municipal Coronel Firmino Vieira de Matos terão solenidades de premiação.

Na escola Coronel Firmino, 3 alunos vão receber medalhas de bronze e 1 aluno vai receber medalha de ouro, todas direto do OBA. Na fazenda Miya, o aluno vai receber a medalha de prata.

“Em todo o Brasil foram 661.359 alunos que participaram das provas da OBA e neste mundaréu de gente, 5 crianças das escolas do campo foram campeãs. Isto mostra um envolvimento muito grande das escolas que se interessam em promover caminhos para as conquistas que vão fazer toda a diferença na vida dos alunos”, disse Angelita.

Para participar das Olimpíadas, as escolas precisam fazer um cadastro no site da competição. Então, recebem todo o material a ser estudado e participam de uma prova, que este ano aconteceu no dia 19 de maio. 

Segundo Angelita, a escola ficou sabendo da competição depois que recebeu um e-mail, enviado a todas as escolas. Duas escolas do campo se cadastraram, além de outras 5 escolas municipais da cidade e outras estaduais. “Esta é mais uma ação que as escolas do campo mostram que para o conhecimento não existem barreiras, precisam apenas de oportunidades”, disse.

Além de desenvolverem diversas atividades práticas no âmbito da Olimpíada, esta ano a confecção e lançamento de foguetes tendo como combustível ar comprimido e água, provocando nos alunos um empenho maior no aprendizado sobre a Astronomia e Astronáutica, foi o destaque.

A professora Vera Lucia Pereira Borges tem representado a Olimpíada de Astronomia e Astronáutica na Escola Fazenda Miya desde 2004, inicialmente com turma de 5° ano e sucessivamente com as demais turmas. Na Coronel Firmino, teve início em 2016, com as turmas do 2° ao 9° ano. No ano passado, quando ainda era vereadora, a prefeita Délia Razuk participou da entrega dos certificados e das medalhas.

 

A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica é realizada em âmbito nacional pela 20ª vez e tem como coordenador o professor doutor João Garcia Canalle do Instituto de Física da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto
IVINHEMA

Homem é preso após furto de carro, colisão em muro e furto de moto

JUSTIÇA ELEITORAL

Julgamento que pode cassar mandato de Sergio Moro começa em abril

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas
8 DE JANEIRO

Morador de MS é condenado a 17 anos de prisão por atos golpistas

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia
ESPORTES

Confederação reforça parceria e destaca referência de MS no vôlei de praia

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau
RIBAS DO RIO PARDO

Diretor de trânsito manda taxistas "quebrarem" motoristas clandestinos no pau

REGIÃO 

Reitoria manifesta apoio à luta da categoria técnico-administrativa da UFGD

CAPITAL

"Gangue das Mulheres" volta à ativa e duas são presas após furto em loja

STF

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

CORUMBÁ

Bombeiros e Marinha socorrem jovem atacado por queixada no Pantanal

ATOS GOLPISTAS

Valdemar e Torres depõem na PF sobre tentativa de golpe; Bolsonaro se cala

Mais Lidas

TACURU

Servidores são indiciados por desvio de recursos públicos em cidade do interior do MS

DOURADOS

Família procura homem desaparecido desde a manhã desta segunda em Dourados

PROIBIÇÃO

Projeto que veda por mais 5 anos a captura e comercialização do Dourado passa pela CCJR

PARTIDAS DOBRADAS

Operação cumpre mandado em Dourados e mira esquema que movimentou R$ 200 mi em notas frias