Menu
Busca quinta, 05 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Alunos de Mato Grosso do Sul farão intercâmbio nos EUA

26 outubro 2004 - 11h54

Dois alunos de escolas estaduais de Mato Grosso do Sul farão parte do seleto grupo de 20 estudantes e três professores, escolhidos em todo o Brasil, para participar do programa de intercâmbio Jovens Embaixadores. O resultado foi divulgado ontem pela Embaixada Americana, patrocinadora da iniciativa. Mato Grosso do Sul teve mais de 247 inscritos, entre alunos, e 51, entre professores. Depois de análises curriculares, avaliações escrita e oral para testar a fluência no inglês, e de visitas para verificar se há boa convivência familiar e comprovar o baixo poder aquisitivo dos alunos, foram escolhidos Clealdon Alves de Assis Júnior, aluno do 2º ano do ensino médio da escola estadual Professora Dóris Mendes Trindade, de Aquidauana, e Érika de Cristo Barreto, estudante do 3º ano do ensino médio da escola estadual Austrilio Capilé Castro, de Nova Andradina.A presidente da comissão de seleção da Secretaria de Estado de Educação (SED), Maria Solange de Carvalho e Carvalho, informa que a equipe responsável pelo programa na Embaixada Americana, em Brasília, parabenizou Mato Grosso do Sul por ter dois representantes entre os selecionados. “Houve estado que não teve nenhum finalista”, explica.Os jovens embarcam na primeira semana de janeiro de 2005 para Washington, onde permanecem por uma semana com todos os outros selecionados do país, visitando monumentos, prédios, escolas e representações da comunidade. A viagem se estenderá até o dia 24 e, na segunda semana, cada aluno será encaminhado a uma família de classe média para um intercâmbio de convivência. Érika, uma das estudantes selecionadas para o intercâmbio, espera aprender muito com a cultura norte-americana e com as pessoas que irão acolhê-la no país.Os estudantes e professores brasileiros também freqüentarão aulas em escolas públicas do ensino médio. “Nesse período que eles realmente irão atuar como embaixadores porque levarão informações sobre o Brasil, o Estado e o município onde moram”, explica a presidente Maria Solange. Outro sul-mato-grossense selecionado, Clealdon pretende levar informações sobre o trabalho voluntário que ele faz, dando aulas de reforço de inglês na escola. “Nós aprendemos muito nos dedicando a alguém em um trabalho voluntário. Hoje posso estar ajudando uma pessoa, mas um dia pode ser que eu precise de ajuda”, destaca o aluno. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Considerado extremamente violento, traficante é preso com arma
ECONOMIA
Bolsonaro anuncia que novo Bolsa Família se chamará "Auxílio Brasil"
Policial tem prisão preventiva decretada após destruir carro da namorada
REGIÃO
Prorrogadas inscrições de peritos para atuarem no Poder Judiciário de MS
Idoso é preso no Paraguai com arma de fogo e faca tipo adaga
NOVA INVESTIGAÇÃO
TCU decide abrir processo para apurar conduta de Pazuello na pandemia
Ambiental captura 1.337 animais silvestres no primeiro semestre de 2021
GERAL
Governo amplia número de vagas do último concurso da Agepen
Passageira dorme em ônibus e só descobre furto das malas na rodoviária
SELIC
Copom eleva juros básicos da economia para 5,25% ao ano

Mais Lidas

DOURADOS
Assessora vai à polícia e diz que foi ameaçada de morte por vereadora
DOURADOS
Flagrado com pistola, jovem é preso no Parque do Lago II
AMEAÇA
Mulher não aceita relacionamento do ex e ameaça a atual companheira dele de morte
DOURADOS
Casal é preso após transformar casa de homem que morreu por overdose em 'boca de fumo'