Menu
Busca sábado, 17 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Aeronave de empresa paranaense sobrevoou área em Japorã

19 janeiro 2004 - 17h53

O helicóptero que sobrevoou a área do conflito envolvendo índios e fazendeiros na região de Japorã, na fronteira do Mato Grosso do Sul com o Paraguai, ontem à tarde, foi contratado junto a uma empresa do Paraná. O assessor de imprensa da Prefeitura de Iguatemi, Claudinei José de Oliveira, foi quem fez as filmagens, mas observou, em contato com o Dourados News, que o trabalho não tem vínculo oficial, porque ele também possui uma empresa de filmagens que presta serviços para os interessados. O presidente do Movimento Nacional de Produtores, João Bosco Leal, disse que aos fazendeiros não interessaria contratar aviões para observar a área. "A terra pertence aos fazendeiros, eles sabem tudo o que tem lá dentro, quem poderia ter interesses estratégicos nesse caso é a própria Polícia Federal", afirmou o produtor rural.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bolsonaro visita cidade de Goiás com Pazuello e causa aglomeração
COLAPSO
Bolsonaro visita cidade de Goiás com Pazuello e causa aglomeração
Jovem com problemas emocionais se despede de familiares e desaparece
CAMPO GRANDE
Jovem com problemas emocionais se despede de familiares e desaparece
PANDEMIA SEM CONTROLE
Brasil ultrapassa 371 mil mortos por Covid; 2.865 mortes em 24 horas
APLICATIVO
Celulares podem ajudar no combate a fraudes em bombas de combustíveis
COXIM
'Descontrolado', adolescente é apreendido por pilotar moto e dar tiros
MOEDA FORTE
Paraguaios aproveitam valorização do guarani para compras no Brasil
Jovem de 19 anos é preso e multado por pescar com petrechos ilegais 
DOSES LIMITADAS
Drive-thru nos Bombeiros neste domingo começa às 8 horas
TRÁFICO
Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caminhonete furtada 
SAÚDE
Bolsonaro confirma que passará por nova cirurgia para corrigir hérnia

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista é preso após passar 'fumando um baseado' ao lado de viatura
CRIME AMBIENTAL
Goiano preso com minhocas terá que pagar multa de quase meio milhão de reais
AMEAÇA DE EXTINÇÃO
Após passar por MS, homem é preso com mudas raras que seriam vendidas na Bolívia
DOURADOS
Funsaud oficializa saída de diretor médico da UPA após denúncia de escala sem plantonista